Micro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1143 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1- a estrutura da celula eucariota é mais complexa contem membrana celular, núcleo, ribossomos, citoplasma, reticulo endoplasmático, complexo de gongi, lisossomos e peroxissomos, mitocôndria, plastídios, citoesqueleto, parede celular, flagelos e cílios
já a célula procariota tem uma estrutura menos complexa contendo membrana celular, cromossomos, citoplasma, partículas citoplasmáticas, paredecelular, glicocalise, flagelos, pili, esporos


2- membrana celular: separa o conteúdo interno do externo controlando a entrada e saída de substancias (permeabilidade seletiva) e forma um mosaico constituído de proteínas e fosfolopidios
núcleo: é o “centro de comando celular” unifica, controla e integra as funções de toda a célula alem de armazenar os cromossomos
citoplasma: onde ocorre amaioria das reações metabolcas celulares, é uma matriz nutritiva, semifluida
reticulo endoplasmático: forma uma rede de transporte constituída por túbulos e sacos achatados no interior do citoplasma
ribossomo: síntese de proteínas
complexo de golgi: completa a formação das proteínas recém sintetisadas e as empacota em vesículas para serem exportadas
lisossomos e peroxissomos: os lisossomos degradammaterial estranho
peroxissomos catalisa a quebra do peróxido de hidrogênio em água e oxigênio
mitocôndria: armazena energia
plastídios: constituem o local da fotossíntese
citoesqueleto: resistência, manutenção e fortalecimento celular
parede celular: rigidez, forma e proteção
flagelos e cílios: ligados a locomoção


3- 5 reinos, divididos principalmente pelas características morfológicase fisiológicas: Monera: Procariotos Protista: Eucariotos unicelulares - Protozoários (sem parede celular) e Algas (com parede celular) Fungi: Eucariotos aclorofilados Plantae: Vegetais Animalia: Animais

4- Bactérias Metanogênicas:Anaeróbias e produtoras de metano;
Bactérias Termófilas:Suportam altas temperaturas;
Bactérias Acidófilas:Suportam ambientes extremamente ácidos;
BactériasHalófilas:Vivem em ambientes com alta concentração de sais.

5-

6- Classe I
Fluxo de ar ocorre de fora para dentro, sem circulação de ar;
Filtro HEPA;
Liberação do ar para dentro do laboratório
Classe II
Abertura frontal onde o ar é refiltrado;
Proteção do operador, do produto e do meio ambiente.
Classe II A
30% do ar ambiente pela abertura frontal + 70% recirculado para o interior da cabinepassando pelo filtro HEPA + 30%
exaurido para dentro ou fora do laboratório através do filtro HEPA
Classe II B3
70% do ar ambiente pela abertura frontal + 30% recirculado para o interior da cabine passando pelo filtro HEPA + 70% exaurido para fora do laboratório através de outro filtro HEPA por um sistema de exaustão. Ex: Micobactérias, substâncias tóxicas e voláteis
Classe II B2
100%exaustão, sem recirculação do ar protegendo o operador, o material manipulado e o ambiente;
Manipulação de radioisótopos e vapores;
Dutos de exaustão para fora do prédio
Classe III
Hermeticamente fechada;
Impermeável a gases
Luvas de borracha presas a câmara;
Dois filtros HEPA

7- Redondos mas podem se apresentar como ovais, alongados ou achatados em uma das extremidades.

Divisão celularDiplococos – cocos aos pares

Cadeias – estreptococos

Cachos – estafilococos

Formas tridimensionais

Tétrade

Sarcina

Bacilos

Dividem-se sobre o seu eixo menor, dificultando a formação de arranjos ou agrupamentos;

Diplobacilos – arranjos aos pares

Estreptobacilos – arranjos em cadeias

Cocobacilos – assemelham-se aos cocos



8- Coloração de GRAM

Christian Gram –1884

GRAM +

GRAM –

Esfregaço previamente fixado pelo calor é submetido a uma sequência de reagentes:

Cristal Violeta, Lugol, Álcool, Fucsina



9- Coloração de Ziehl-Neelsen

Visualização de BAAR

Fucsina, aquecimento, álcool ácido e azul de metileno

BAAR + - coradas em vermelho

BAAR - - coradas em azul

10 – Membrana Citoplasmática - bactérias
Forma uma barreira...
tracking img