Metalurgia do po

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1781 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO

Também chamada de Sinterização, a Metalurgia do Pó é um ramo da indústria metalúrgica que se utiliza para a produção de peças a partir de pós metálicos e não metálicos.

Pesquisas mostram que o homem já produzia peças armas e ferramentas no período antes de Cristo, mas somente no século XIX que se começou a desenvolver técnicas para modernizar o processo da metalurgia do pó.Como as maiorias dos processos se desenvolveram no período das guerras, tal tecnologia somente se expandiu após a Segunda Guerra Mundial, atendendo o crescente mercado automobilístico.

Atualmente existem diversas aplicações industriais para peças produzidas através do processo de sinterização, ou metalurgia do pó, tornando-se competitiva, tanto pelo lado tecnológico ou por razões econômicas.2. METALURGIA DO PÓ

A Metalurgia do Pó é um processo de fabricação amplamente utilizada em processos de produção em séries. Seria quase impossível imaginar quantas operações seria necessário para a produção pelos processos convencionais de usinagem, na quantidade de resíduos (cavacos) gerados, ou na possibilidade de se produzir um grande número de peçasiguais. Além da quantidade de máquinas e pessoal empregados na operação.

Essa tecnologia é baseada na prensagem de pós em ferramentas de compactação e na finalização da peça por aquecimento controlado, sendo o resultado um produto com a forma desejada, bom acabamento, composição química e propriedades mecânicas controladas.

Para que se possa desenvolver o processo de fabricação a partirdesta tecnologia, inicia-se pelo laboratório de análise de matérias primas que se passa pelas etapas de obtenção do pó, compactação, sinterização e operações complementares que serão detalhadas a seguir.
















3. ETAPAS DO PROCESSO DE PRODUÇÃO
O processo de produção realizado pela metalurgia do pó se desenvolve em três etapas fundamentais sendo elas:

3.1 – Obtenção doPó

O tamanho do grão, a forma e a distribuição são três características importantes no processo de produção por sinterização sendo elas modificadas conforme o método de obtenção do pó que podem ser mecânicos, químicos, físicos e físico-químico.

O método físico mais utilizado é a atomização: o metal fundido é vazado por um orifício, originando um filete líquido que é bombardeado por jatos dear, gás ou água. Os jatos saem de bocais escolhidos conforme o formado do grão desejado e produzem a pulverização do filete metal fundido e seu rápido resfriamento.

Os pós também podem ser obtidos por métodos químicos como a corrosão, que produz oxidação do metal pelo ataque de ácidos e bases, ou na redução de óxidos metálicos pelo emprego de hidrogênio ou monóxido de carbono.

Após esteprocesso o pó reduzido, sendo ele submetido a uma reação química em que o átomo recebe elétrons pela ação de um agente redutor, sendo ele sólido ou gasoso, depois peneirado e está pronto para uso. O que determina o tamanho e forma das partículas do material pulverizado é a espessura do filete, pressão do fluido, as formas do conjunto de atomização, do bocal e o tipo de atomização.

O métodofísico-químico mais utilizado na produção do pó de cobre é a eletrolise, que é uma reação não espontânea que produz a decomposição de uma substancia em solução aquosa ou fundida, por meio de corrente elétrica, sendo os pós produzidos por esse processo são caracterizados pelo seu elevado grau de pureza.

Após recolhido no tanque de eletrólise, o pó forma uma lama que é neutralizada e secada paradepois ser reduzida e classificada por peneiramento, sendo que para ser obter grãos menores o processo é complementado por métodos mecânicos. O pó também pode ser obtido pela pirólise, que um método físico-químico que consiste na decomposição de uma substancia pela reação do calor.
Já os métodos mecânicos para obtenção do pó mais utilizado é a moagem, que em geral é feita por um moinho de bolas que...
tracking img