Meningite

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1382 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ESCOLA TÉCNICA DE SAÚDE EVANGÉLICA

LUCINEIDE SOUZA BARRETO
MILENA SENA
RONALDO FALCÃO

SALVADOR/BA
09/04/13

Meningite
Introdução
A Meninginte é uma doença infectocontagiosa, que pode virar uma epidemia e tendo algumas vezes como consequência a morte, caso não tenha cuidados imediatos. Esse trabalho objetivasocializar conteúdos que nos ajudem a ter conhecimento sobre a meningite, por isso abordaremos o seu conceito, agente etiológico, transmissão, período de incubação, fisiopatologia, diagnostico quadro clinico tratamento, cuidados de enfermagem, profilaxia. Esse conhecimento nos ajudará a identificar a patologia por meio da anamnese sinais e sintomas da patologia.

O que é?
A meningite é um processoinflamatório das meninges, Dura Mater, Aracnóide e Pia Mater, membranas que envolvem o cérebro e medula espinhal.

2. Qual o microrganismo envolvido?

2.1. Meningite bacteriana

A meningite bacteriana é a forma mais grave. Esta meningite costuma ser causada pelas bactérias Streptococcus pneumoniae, Haemophilus influenzae ou Neisseria mengitidis. Outras bactérias, como a Listeriamonocytogenes, Staphylococcus aureus e Streptococcus do grupo B também podem ser a causa, mas não são tão comuns como as três primeiras citadas. Com a inclusão da vacina contra o Streptococcus pneumoniae e Haemophilus influenzae no calendário vacinal de vários países, a ocorrência de meningite por essas duas bactérias vem caindo drasticamente, principalmente entre as crianças. Porém, nos adultos que não foramvacinados, a incidência de meningite por S.pneumoniae ainda é alta. Atualmente, a Neisseria mengitidis, também conhecida como meningococo, é a principal causa de meningite bacteriana em crianças e adultos. Algumas doenças de origem bacteriana, como a sífilis e a tuberculose também podem complicar, evoluindo com acometimento meníngeo.
2.2. Meningite viral

A meningite também pode ser causada porvírus, normalmente da família dos Enterovírus. A meningite viral é menos agressiva que a bacteriana, com taxa de mortalidade bem mais baixa e com resolução espontânea, sem necessidade de tratamento específico, na maioria dos casos.

Os Enterovírus são os agentes mais comuns, porém, uma variedade de infecções virais podem complicar, acometendo as meninges, como, por exemplo:
* HIV (SINTOMAS DOHIV | AIDS).
* Herpes (HERPES LABIAL E GENITAL ).
* Caxumba.
* Varicela zoster (vírus da catapora e do herpes zoster).
* Epstein-Barr vírus (vírus da mononucleose)
* Citomegalovírus.
2.3. Meningite fúngica

A meningite fúngica é uma forma rara, sendo, geralmente, resultado da propagação de um fungo através do sangue para as meninges. A meningite fúngica é típica de pacientesimunossuprimidos, como nos casos de portadores de AIDS ou câncer.
A meningite por fungos não é contagiosa e sua principal causa são os fungos Cryptococcus e Coccidioides.

3. Como se transmite?
Em geral, a transmissão é de pessoa a pessoa, através das VAS, por gotículas e secreções do nariz e da garganta, em traumatismos expostos do crânio ou coluna vertebral, por canal de parto ouprocedimentos invasivos.

4. Qual o Diagnóstico?
O exame do O líquido cefalorraquidiano (LCR) é o teste de laboratório mais importante para o diagnóstico da meningite, onde se visualiza o aumento de células.

5. Patogenia
A bactéria para ser patogênica necessita aderir a mucosa; invadir e sobreviver no espaço intravascular; cruzar a barreira hematoencefálica; e se multiplicar no LCR.

6. Qual oquadro clínico?
Geralmente o paciente apresenta febre, cefaleia, vômitos em jato, rigidez de nuca. São divididos em síndromes:
* Síndrome Infecciosa:
* Febre(acima de 39°c);
* Anorexia;
* Mal-estar geral;
* Prostração.
* Síndrome da Hipertenção Endocraniana:
* Cefaléia frequente e dilacerante pelo aumento do conteúdo liquórico sem a correspondente...
tracking img