Matematica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2173 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Matemática do cotidiano: conexões produzindo sentido
BaRReTo, maria de Fátima Teixeira
RiBeiRo, Gabriela
FeliX, Wanderson

RESUMO: Porque eu tenho que aprender isso? Para que isso serve? estas são questões que nos professores
ouvimos com certa freqüência. a linguagem matemática, tida como complexa e distante do aluno e o conteúdo
cheio de símbolos, termos e fórmulas que exigem memória epouco induz a reflexão, fomentam o mito de que
a matemática é para poucos. a ausência de relação entre a matemática escolar e a matemática da vida cotidiana é apontada como fator de grande influencia na elaboração do conhecimento escolar. Partindo de estudos
que compararam testes formais e informais, os resultados mostram uma decisiva influência do contexto sobre
a solução de problemas dematemática. Diante disto, apostamos na vivência matemática em sala de aula,
como uma forma de aproximar as diferentes atividades escolares com a realidade extra-escolar. a nossa
proposta foi desenvolver atividades em que o cotidiano fosse ponto de partida para a discussão de algum
conteúdo de matemática. Observando as relações e reflexões estabelecidas pelos alunos entre a Matemática
escolarizada coma matemática do cotidiano, e contribuir para uma re-elaboração da sua compreensão do
que é a matemática.

Introdução
Este relato tem como objetivo apresentar vivências em que a matemática própria do cotidiano extraescolar é discutida nas aulas de matemática e a partir de tais vivências, refletir a respeito da utilização de tal
encaminhamento para a aprendizagem da matemática.
As atividadesrelatadas foram desenvolvidas junto ao projeto de extensão “Vivenciando a Matemática
com alunos da escola fundamental” coordenado pela prof. Dr. Maria de Fátima Teixeira Barreto.
Foram convidados para o projeto 20 alunos, sendo 10 do CEPAE e 10 de escola pública da região, indicados por seus professores, por apresentarem dificuldades de aprendizagem da Matemática em sala de aula.
Entretanto,freqüentaram quinze crianças na faixa etária entre 10 e 15 anos, sendo oriundas do 3ª ano (1), 5º
ano (11) e 6º ano (3).
Tivemos como proposta desenvolver atividades em que o cotidiano fosse ponto de partida para a discussão de algum conteúdo de matemática. A intenção era observar as relações e reflexões estabelecidas pelos
alunos entre a Matemática escolarizada com a matemática do cotidiano, econtribuir para uma re-elaboração
da sua compreensão do que é a matemática.

Apontamentos Teóricos
O ensino de Matemática vai mal, comenta olhar superficial a mídia. Tida como a mais difícil do currículo, ensinar e aprender matemática é visto por muitos como algo pra lá de difícil. Além do mais, a linguagem
é tida como complexa e distante do aluno. O conteúdo se torna mais abstrato edesgastante devido aos seus
símbolos, seus termos e fórmulas que exigem memória e pouco induz a reflexão.
A maioria dos estudantes, mesmos os considerados “bons” em matemática, utiliza como estratégia para
a sobrevivência escolar a memorização. Não é de se estranhar que a reprodução seja algo tão comum na sala de

aula, afinal, quanto mais for exata a reprodução do que está sendo ensinado, mais certoestará o trabalho do aluno.
Por esta atitude, banalizada ao longo de sua vida escolar, vai se constituindo uma relação vazia com o saber.
Alguns estudos relacionados a aprendizagem matemática, mostram que os resultados em testes formais e informais, indicaram uma decisiva influência do contexto sobre a solução de problemas de matemática.
Diante disto, indicamos a vivência em sala de aula, comouma forma de dramatizar uma situação vivida em
seu dia-a-dia e levar os alunos a fazer uma reflexão integrando as diferentes atividades escolares com a realidade extra-escolar.

Relato de experiência
Visando tornar o estudo da matemática mais próxima possível do aluno possibilitando-lhe habitar o
processo de aprender, promovemos aulas de matemática em que situações cotidianas foram...
tracking img