Mapa de risco

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1726 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Federal de Santa Catarina Universidade Federal de Santa Catarina Departamento de Microbiologia e Parasitologia Departamento de Microbiologia e Parasitologia

MAPAS DE RISCO como ferramentas de prevenção de prevenção acidentes e minimização de riscos minimização
Edmundo C. Grisard & Carlos J. C. Pinto
Universidade Federal de Santa Catarina Universidade Federal de Santa Catarina Mapas de Risco

Abordagens na prevenção de acidentes
• Retrospectivas
– Análise dos casos de acidentes já ocorridos

• Prospectivas
– Mapas de risco – prevenção

Mapas de Risco

Histórico
• Investigação e controle dos ambientes de trabalho • Participação dos trabalhadores nas ações de planejamento e controle da saúde nos locais de trabalho, não delegando estas funções aos técnicos evalorizando a experiência e o conhecimento operário existentes • Disseminação mundial no final da década de 70 através das áreas sindical e acadêmica • 1986 livro: “Ambiente de Trabalho: A luta dos Trabalhadores pela Saúde” (Ivar Oddone e outros sindicalistas italianos)

Mapas de Risco

Legislação
• Adotado pela legislação italiana: Lei nº 833 de 23/09/78 • Brasil: Obrigatório !! Portarianº5 de 18/08/92 do DNSST/MT para todas as empresas que possuem CIPA (Anexo IV da NR5) • Função da CIPA com participação de todos para melhor diagnóstico e melhorias: Evitar a “não colaboração dos trabalhadores”

Mapas de Risco

Limitações da legislação brasileira
• Quanto à Portaria • Quanto aos cursos para a elaboração Mapas de Risco • Quanto à análise quantitativa nocividade no trabalho deda

Mapas de Risco

Conceitos e definições
• O que é?
– Representação gráfica de um conjunto de fatores presentes nos locais de trabalho, capazes de acarretar prejuízos à saúde dos trabalhadores: acidentes e doenças de trabalho (materiais, equipamentos, instalações, postura, jornada de trabalho, turnos, etc)

Mapas de Risco

Conceitos e definições
• Para que serve?
– Prevenção deriscos no interior do ambiente; – Identificar os fatores nocivos e de riscos; – Conhecer o nº de trabalhadores que estão expostos a diferentes riscos, em função dos horários e turnos

Mapas de Risco

Classificação de riscos
• Risco: “é todo perigo ou possibilidade de perigo, existindo a probabilidade de perda ou de causar algum dano” • Biológicos (NB 1 a NB 4)
– Bactérias, fungos, vírus,insetos, protozoários, etc...

• Químicos
– poeiras, fumos, gases, vapores, névoas, neblinas e as substâncias químicas propriamente ditas.

Mapas de Risco

Classificação de riscos
• Físicos
– ruído, calor, frio, pressões, umidade, radiações ionizantes e não-ionizantes, vibrações, etc...

• Ergonômicos
– levantamento e transporte manual de peso, repetitividade, responsabilidade, ritmoexcessivo, posturas inadequadas de trabalho, trabalho em turnos, etc – LER / DORT

• Acidentes
– Materiais inflamáveis, explosivos, tóxicos e equipamentos que geram calor são sem dúvida as causa de acidentes mais graves

Mapas de Risco

Mapas de risco - construção
1. Identificação dos riscos 2. Levantamento e sistematização dos processos
a. b. c. d. e. f. Fluxograma de produção Descrição dosequipamentos e instalações Descrição dos produtos, materiais e resíduos Descrição das equipes de trabalho Descrição das atividades desenvolvidas Grupo de risco x Fontes x Sintomas x Doenças de trabalho / acidentes

3. Representação gráfica

Mapas de Risco - Construção

Primeiro passo: A identificação dos riscos
– Quais os riscos: Equipamentos, reagentes, estrutura, postura – Suaclassificação: Químicos, físicos, biológicos, ergonômicos e de acidentes

Mapas de Risco - Construção

Segundo passo: O levantamento e sistematização dos processos Levantar dados sobre:
– O processo de trabalho – Os equipamentos/instalações, – Os materiais / produtos / resíduos – As equipes de trabalho – As atividades dos trabalhadores – Os riscos identificados

Base para a construção de seis...
tracking img