Macedo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3965 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
QUALIDADE: UMA QUESTÃO DE SOBREVIVÊNCIA PARA AS ORGANIZAÇÕES

Milene Blödorn, Marilene Soares

RESUMO

Partindo da concepção de que a qualidade, nos dias de hoje, não é mais uma função isolada dentro das organizações nem somente um diferencial de mercado, sendo vista como uma questão de sobrevivência, este trabalho tem como objetivo apresentar conceitos sobre qualidade, produtividade ecompetitividade, evidenciando a importância de que as empresas absorvam tais conceitos para tornarem-se aptas a buscar a excelência, garantindo assim, a sobrevivência no mercado. Adicionalmente, este artigo contribui com outros tópicos relativos à qualidade, como: sua evolução; seus métodos e ferramentas; a importância de sua padronização e normalização; seus princípios de gestão. Para que sepudesse fazer referência a essas questões, este estudo, desenvolvido por meio de consulta bibliográfica, contou com as teorias de Conte e Durski (2002), Abreu e Lima (1993), Paladini (1995), Coltro (1996), Macedo (2002) e Seleme e Stadler (2008), vistas como pertinentes para qualquer organização. Palavras-chave: Competitividade. Produtividade. Qualidade. Excelência. Sobrevivência.

1 INTRODUÇÃODesde o início do século XXI, não podemos mais considerar a qualidade como uma função isolada ou como apenas um diferencial no mercado. Os clientes tornaram-se mais exigentes e conscientes, fazendo com que a qualidade seja uma questão de sobrevivência para as organizações. Conte e Durski (2002, p. 53), dentre diversos conceitos apresentados sobre qualidade, mencionam que ela pode ser técnica ehumana:



Acadêmica do 7º semestre do curso de Administração da Universidade Luterana do Brasil e do 6º semestre do curso de Bacharelado em Letras – Redação e Revisão de Textos, da Universidade Federal de Pelotas.  Acadêmica do 7º semestre do curso de Administração da Universidade Luterana do Brasil e formanda do curso Técnico em Agroindústria, do Instituto Federal Sul-rio-grandense, CampusPelotas - Visconde da Graça.

BLÖDORN, M.; SOARES, M.

2

a qualidade técnica está em satisfazer exigências e expectativas concretas, tais como tempo, finanças, taxa de defeitos, funcionabilidade, durabilidade, segurança e garantia. A qualidade humana diz respeito à satisfação de expectativas e desejos emocionais, tais como atitude, comprometimento, atenção, credibilidade, consistência elealdade. Além disso, trabalha-se com cinco tipos de qualidade: a pessoal, a departamental, a de produtos, a de serviços e a da empresa.

Percebemos que a qualidade não é restrita ao produto, compreendendo a organização em sua totalidade. Torna-se necessário que as empresas assimilem tais definições para que possam buscar a excelência, pois “uma empresa excelente é aquela que consegue sobreviver. Epara sobreviver ela tem que ser competitiva. E para ser competitiva ela tem que ter Qualidade.” (ABREU; LIMA, 1993) O tema qualidade, diante de um mercado globalizado, tem ocupado um papel decisivo dentro das organizações, pois somente por meio da qualidade as empresas chegarão a resultados verdadeiramente positivos. Muitos termos têm sido apresentados com o intuito de tornar as organizaçõesmelhores, como eficiência, eficácia, sucesso, competitividade e produtividade. Ao falarmos em qualidade, acreditamos que não seja possível deixar de falar acerca dos dois últimos termos – competitividade e produtividade – por se tratarem de fatores logicamente ligados à qualidade e imprescindíveis para a excelência das organizações.

2 CONTEXTO HISTÓRICO: EVOLUÇÃO DA QUALIDADE

Podemos dividir aevolução da qualidade em seis períodos, segundo Paladini (1995). O primeiro período, denominado de Antiguidade, pode ser caracterizado pela alta qualidade e por descobertas fundamentais na área da matemática. No segundo período ou Idade Média, surgiram os primeiros operadores de controle da qualidade, por meio da diversificação das linhas de produção de pequenas empresas. De 1900 a 1930, no...
tracking img