Los fundamentos de la arquitectura en la edad del humanismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1148 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de maio de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
O texto “Los fundamentos de la arquitectura en la edad del humanismo” e
sua Parte I, “La iglesia de planta central y el Renacimiento” (na tradução
espanhola), de Rudolph Wittkower, aborda as principais interpretações a cerca da
arquitetura no Renascimento aliada de seu caráter laico. Como complemento a
tais estudos sobre a arquitetura no período, são expostas as ideias dos principaisarquitetos renascentistas, sendo eles Donato Bramante, Francesco di Giorgio e,
principalmente, Leon Battista Alberti.
Um dos primeiros pontos levantados pelo autor do texto se refere ao fato
de a arquitetura do Renascimento se basear em uma hierarquia de valores, sendo
que esta culminava em seu caráter absoluto. De fato, percebemos que nas Igrejas
do período, há uma série de formas e ornamentosque, enquanto separados
possuem níveis de importância distintos, juntos compõe o ambiente perfeito para
o edifício sagrado.
A partir desse ponto, Wittkower começa a entrar no assunto das
transformações arquitetônicas sofridas durante o século XV. As igrejas estavam
sendo construídas não mais da maneira tradicional (com coro e transepto), e sim
na forma de plantas centrais. Tal fato éextremamente significativo em relação ao
caráter laico do Renascimento. Em uma planta central, distribuir o espaço com as
plataformas e objetos eclesiásticos seria uma tarefa consideravelmente mais
árdua. Por essa relativa complicação da disposição de espaço da planta central
em relação à convencional, nota-se que a beleza arquitetônica foi colocada em
primeiro plano.
Após essa breve introduçãosobre o rumo da arquitetura no período
abordado, o autor introduz o primeiro arquiteto a ser estudado a fundo: Leon
Battista Alberti. Um dos arquitetos mais importantes do Renascimento, Alberti
publicou o tratado arquitetônico De Re Aedificatoria em 1452, o primeiro da
Renascença. Tal produção literária foi muito significativa para as transformações
culturais no século XV. Vale notar que otratado de Alberti difere do tratado De
Archictectura, de Vitrúvio, pois o De Re Aedificatoria é um compêndio que trata
da arquitetura em conjunto com a cidade. No entanto, como o foco do autor com
as ideias de Alberti é a edificação, serão expostos seus estudos do Livro 7, o qual
aborda principalmente os edifícios públicos sagrados.

1

Em De Re Aedificatoria pode-se achar o programa da igrejaou templo
(para Alberti, são sinônimos) ideais do Renascimento. O Livro 7 tratará da
importância do círculo. Diz ele que a própria natureza prefere as formas redondas
em relação às demais. A partir desse ponto, Alberti faz uma série de
recomendações de figuras geométricas básicas para as igrejas, sendo todas essas
figuras determinadas a partir do círculo. Também faz relações com afigura-base
da planta central da igreja com a disposição mais adequada das capelas, embora
as possibilidades sejam várias. Sabendo que Alberti tinha paixão pelas plantas
centralizadas, deduz-se que sua favorita seja a circular, visto que ele mesmo disse
que a própria natureza prefere o círculo.
Para a igreja ideal, deve-se elevar a beleza o máximo possível,
concedendo efeitos importantes como efeitopurificador e estado de inocência.
Qual seria, portanto, a beleza que alcançaria tais sensações? Alberti, nesse
aspecto, baseou-se em Vitrúvio quando entendeu a beleza como um aspecto
racional e proporcional entre as formas de um edifício. Essa beleza, tida por
Alberti pelo termo pulchritudo, é definida em suas palavras como “uma precisa
relação de concinnistas (harmonia) das partes no todo,de modo que não se possa
acrescentar ou subtrair ou mudar nada, sem que o torne reprovado” (Alberti,
1996a, VI, 2, p. 447). Vale ressaltar, adicionalmente, que o arquiteto se
preocupava com todos os aspectos da edificação, seja a estrutura ou adorno. Em
relação ao último, são preferíveis estátuas aos quadros e, por sua vez, quadros
aos afrescos. Há, portanto, uma série de preferências...
tracking img