Linguistica e libras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3375 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
DELER | UFMA LITTERA ONLINE 2010 JUL – DEZ | Número 2 – Volume I

88

UM OLHAR SOBRE OS ASPECTOS LINGUÍSTICOS DA LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS

Danielle Vanessa Costa SOUSA

1 INTRODUÇÃO As línguas de sinais são de modalidade gestual-visual, e o espaço é o canal de comunicação. Nele, frases, textos e discursos são produzidos e articulados através dos sinais. São consideradas línguasnaturais, pois surgiram da interação espontânea entre indivíduos. Elas possuem gramática própria, além dos níveis linguísticos, fonológico, morfológico, semântico, sintático e pragmático, o que possibilita aos seus utentes expressarem diferentes tipos de significados, dependendo da necessidade comunicativa e expressiva do indivíduo. Além disso, as línguas de sinais não descendem e nem dependem daslínguas orais. Diante destas considerações, o presente trabalho discorre sobre os aspectos lingüísticos das línguas de sinais, direcionando, em algumas seções do tema proposto, para a Língua Brasileira de Sinais (Libras). Dentre os pontos abordados, demonstra-se a concepção de língua natural e, a partir desta, serão descritos temas relacionados às línguas, como iconicidade, arbitrariedade, variaçãolinguística e níveis linguísticos, sendo a discussão direcionada à questão da estrutura e da manifestação lingüística das línguas de sinais, especificamente as Libras.

2 LÍNGUA DE SINAIS – LÍNGUAS NATURAIS Durante muito tempo as línguas de sinais eram denominadas linguagem de sinais, mas, a partir de estudos sobre o assunto, foi comprovado seu status linguístico - o termo linguagem caiu em desuso,passando-se a considerá-las línguas naturais. Pode-se fundamentar esta afirmação nas seguintes definições:

DELER | UFMA LITTERA ONLINE 2010 JUL – DEZ | Número 2 – Volume I

89

[...] linguagem é uma faculdade humana, uma capacidade que os homens têm para produzir, desenvolver, compreender a língua e outras manifestações simbólicas semelhantes à língua. A linguagem é heterogênea emultifacetada: ela tem aspectos físicos, fisiológicos e psíquicos, e pertence tanto ao domínio individual quanto ao domínio social. Para Saussure, é impossível descobrir a unidade da linguagem. Por isso, ela não pode ser estudada como uma categoria única de fatos humanos. A língua é diferente. Ela é uma parte bem definida e essencial da faculdade da linguagem. Ela é um produto social da faculdade dalinguagem e um conjunto de convenções necessárias, estabelecidas e adotadas por um grupo social para o exercício da faculdade da linguagem. A língua é uma unidade por si só. Para Saussure, ela é a norma para todas as demais manifestações da linguagem. Ela é um princípio de classificação, com base no qual é possível estabelecer uma certa ordem na faculdade da linguagem (SAUSSURE, 1916).

Nota-se quelíngua e linguagem têm definições distintas. A primeira é um produto social da faculdade da linguagem, enquanto a segunda é a capacidade que o homem tem de produzir conceitos relacionados com uma dada forma, como a música, a arte, o teatro, a dança. As línguas naturais são consideradas inerentes ao homem, um sistema linguístico usado por uma comunidade. Elas não incluem somente as línguas orais -pesquisas linguísticas já comprovaram que as línguas de sinais são naturais, pois a sua estrutura permite que diferentes conceitos sejam expressos através dela, dependendo da intenção e necessidade comunicativa do indivíduo. Karnopp & Quadros conceituam língua natural como (....) uma realização específica da faculdade de linguagem que se dicotomiza num sistema abstrato de regras finitas, as quaispermitem a produção de um número ilimitado de frase. Além disso, a utilização efetiva desse sistema, com fim social, permite a comunicação entre os usuários (KARNOPP & QUADROS, 2007, p.30). Brito (1998, p.19) faz a seguinte afirmação sobre se considerar línguas de sinais como naturais: As línguas de sinais são línguas naturais porque como as línguas orais sugiram espontaneamente da interação entre...
tracking img