Linguagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (323 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADES SANTA AMÉLIA – SECAL

ANÁLISE DE DISCURSO

PONTA GROSSA
2013
FACULDADES SANTA AMÉLIA SECAL

ANÁLISE DE DISCURSO

Trabalho apresentado para obtenção de nota bimestral nadisciplina de Texto e Discurso, do 5º Período Semestral do Curso de Letras Português/Inglês da Faculdades Santa Amélia – SECAL.
Professora Mestre: Luzia Rita Chincoviaki

PONTA GROSSA
2013‘BRASILEIRO É PRESO POR ROUBAR BOLSA NA ÁFRICA DO SUL, DIZ JORNAL’

 Wilson Delfin Soto Caldoron, 51, foi preso na Cidade do Cabo, uma das cidades sede da Copa do Mundo 2010, por roubar asbolsas de duas torcedoras que estavam vendo a partida de abertura (África do Sul 1 x 1 México) em um restaurante. Segundo o jornal local "Cape Times", o brasileiro foi perseguido por um dosresponsáveis pela segurança e foi obrigado a comparecer a um tribunal, no sábado. Ele permanece detido na prisão de Goodwood. A polícia está procurando agora pelos comparsas de Wilson, dois homens euma mulher, que o ajudaram a roubar as duas torcedoras. Wilson foi detido com uma das bolsas. A outra foi levada pelos outros três, que conseguiram fugir com os documentos pessoais da vítima, umacâmera, lentes e dinheiro.

(Fonte: Jornal Folha de São Paulo, esporte- Copa do Mundo, 14/06/2010)

Análise do Discurso

É um texto curto, de fácil compreensão, escrito de uma maneiracoesa e coerente, contendo um discurso informativo, seu gênero é a notícia, o qual está sendo veiculado no Jornal Folha de São Paulo, esporte - Copa do Mundo, 14/06/2010.
O texto tem como públicoalvo leitores do jornal, mais especificamente os leitores da seção de esportes. Aborda a notícia de que um brasileiro com o nome de Wilson Delfin Soto Caldoron foi preso após roubar bolsas detorcedoras, na África do Sul, durante a partida de abertura da Copa do Mundo de 2010. Aponta ainda que ele tinha dois comparsas que o ajudaram, porém a policia não conseguiu detê-los, apenas...
tracking img