Libras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1582 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
UNIVERSIDADE ANHANGUERA – UNIDERP
CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
CURSO DE PEDAGOGIA


LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS








Atividade Prática Supervisionada (ATPS) entregue como requisito para conclusão da disciplina “Língua Brasileira de Sinais”, com base nas informações e explicações passadas pelo Profa. Dra. Lilian Cristine RibeiroNascimento, tutor da disciplina. Sob orientação do professor-tutor a distância Mirna Elisabeth Jacob.


TAGUATINGA-DF, 19 de novembro de 2012.


LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS NA PRÁTICA DOCENTE

A SURDEZ EM SEUS ASPECTOS MÉDICO, CULTURAL E SOCIAL, O USO DE LIBRAS E A CULTURA SURDA
Normalmente chama-se pessoa surda aquela que é portadora da surdez, ou seja, a incapacidade parcial ou totalda audição no qual possuem uma identidade, uma história, uma cultura e uma língua própria chamada de Língua Brasileira de Sinais- Libras que refere-se a forma de comunicação e expressão utilizadas pelos surdos do Brasil.
Segundo a medicina o surdo é uma deficiência auditiva ou hipoacúsia, com isso são vários os tipos de surdez quanto ao grau de perda auditiva são eles: A perda auditiva leve,moderada, severa e profunda. A leve não tem efeito significamente no desenvolvimento desde que não progrida, a moderada pode interferir no processo de linguagem e fala, a severa interfere no desenvolvimento da fala e da linguagem, mas com o uso do aparelho ajudará no desenvolvimento da fala e linguagem e a profunda que sem intervenção, a linguagem e a fala dificilmente irão acontecer. O surdopossui uma intensidade do agudo mais aguçado do que a do ouvinte, por conta disso eles tem mais habilidades de adquirir naturalmente a língua de sinais.
Em termos culturais, surdez é conhecida como diferença lingüística e identidade cultural, a qual e compartilhada entre os indivíduos surdos. A surdez é o paradigma da cultura surda, cujo elemento principal é a língua de sinais, sendo assim seuidioma natural, portanto, sem a surdez não há cultura surda.
De igual modo, a pessoa surda tem mais dificuldade em adaptar-se ao mundo e na é a vida social, pelo fato de apresentarem uma limitação no seu sentido auditivo, o qual só começamos a dar importância, no momento em que nos faz falta, pelo fato de ser um dos sentidos de maior importância, principalmente no aprendizado, semmenosprezar os demais, por se tratar de um dom sem o qual teríamos muita dificuldade de interagir com o mundo, fazendo referência à expressão oral humana que sem duvida tem um valor inestimável em razão a interação do sujeito social como membro da sociedade.
Devido à necessidade de ter uma linguagem entre os surdos, criou-se a Língua Brasileira de Sinais- Libras que é a comunicação, expressãoutilizadas pelos surdos, sendo assim, muito importante a utilização das libras para os surdos, já que é a linguagem natural dos surdos, com as libras ela aprendem com mais facilidade, podendo ter uma linguagem completa e necessária que possibilita aos surdos uma linguagem completa e um desenvolvimento adequado na sociedade.
Ainda podem-se mencionar os surdos em sua cultura que é característica eprópria, dessa cultura se desenvolve as libras, mas em alguns lugares aonde ainda as libras ainda não chegaram, e locais isolados, por exemplo, eles se comunicam por gestos. Em muitas cidades do mundo encontram-se associações de surdos onde se reúnem e convivem socialmente, e é importante esse convívio entre eles, antigamente eles não podiam expressar suas opiniões já que não eram ouvidos, mashoje em dia lutam pelos seus direitos com muitos êxitos.

Podemos relatar sobre o filme E seu nome e Jonas onde Jonas (Jeffrey Bravin) é uma criança solitária e é conhecido como um retardado mental, apenas depois de três anos vivendo em uma instituição de retardado mental que foi diagnosticado que ele era apenas surdo sua mãe e seu pai vivendo este drama luta para estabelecer comunicação...
tracking img