Lei de fisica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1907 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1.Introdução
Neste experimento feito no laboratório de física, foi montado um circuito para o estudo da Lei de Biot-Savart. Com isso, o circuito funciona da seguinte forma: a corrente elétrica passa pelas bobinas que gerará um campo de indução magnética B gerando também a indução magnética do imã que está no centro da balança de torção. Assim, o fio da balança sofrerá torção que provocará umdeslocamento do retículo luminoso na parede, onde se localiza também uma régua. Assim, as variáveis do experimento seriam o raio da bobina R, a corrente elétrica I, o número de espiras da bobina N e a distância x do centro da espira. Para entender melhor a relação entre as variáveis, escolhemos apenas uma variável e deixamos as demais constantes. Com os dados anotados em tabelas, fizemos seisgráficos, cinco em papel monolog e uma e dilog. Por fim, após a realização de cálculos e gráficos, entendemos a relação entre as grandezas físicas citadas.


2. Objetivos
Este experimento tem como objetivos identificar os polos magnéticos de imã; deduzir a expressão do campo de indução magnética gerado por um condutor retilíneo, por uma bobina circular e por uma bobina circular com N espiras; e, comisso, relacionar as grandezas B (campo magnético), N (número de espiras), I (corrente elétrica), R (raio das espiras) e X (distancia do centro da espira).

3.Teoria
As propriedades magnéticas já eram conhecidas há muito tempo, mas de jeitos diferentes. Os imãs são constituídos de óxido de ferro e possuem dois polos, o polo norte (que sempre aponta para o Norte magnético) e o polo sul (queaponta para o Sul magnético). Os polos não existem separadamente, ou seja, caso um imã seja dividido ao meio, cada pedaço terá um polo norte e um polo sul, não é possível separá-los.
Os imãs, através de suas propriedades magnéticas, acabam gerando um campo de indução magnético, o qual pode ser determinado através da Lei de Biot-Savarat. O campo pode agir em diferentes formas, como o de um condutorretilíneo ou de uma espira circular, sendo totalmente diferentes.
É possível produzir um campo magnético praticamente uniforme numa região do espaço através das Bobinas de Helmholtz, que são duas bobinas circulares iguais, de raio R, em planos paralelos e separados por uma distância R.
4. Materiais e métodos
- Devemos primeiro montar na mesa auxiliar, o circuito abaixo utilizando terminais debaixa tensão contínua da fonte de tensão.  
 - Com a chave-fusível aberta, devemos girar o cursor do reostato toroidal de modo que a resistência fique em seu valor máximo.  
- A  corrente elétrica ao passar pela bobina ira gerar um campo de indução  magnética B. Este campo de indução magnética B, irá interagir com o  campo de indução magnética do ímã que está no centro da balança de  torção,produzindo então, um campo resultante de interação no  centro da bobina, fazendo com que o fio da balança sofra uma torção, a  qual irá provocar um deslocamento do retículo luminoso na parede.  Esse deslocamento do retículo luminoso na parede, é proporcional ao um campo de indução magnética B. Logo que o campo do ímã é constante, podemos então determinar  a relação do deslocamento com a intensidade decorrente que passa pela  bobina.  Mas para que essa relação seja válida, o deslocamento total do retículo luminoso não pode ultrapassar 0,60m (0,30m para cada lado da posição de equilíbrio).   Dessa forma, a tensão na fonte foi variada, de modo que esse  limite não fosse ultrapassado.  
- Fazer  a medição do desvio médio dmédio em função da corrente I para o raio R e  número de espiras Nconstantes. As posições xesquerda e xdireita  do  retículo luminoso foram anotadas para cinco valores  de corrente até a  corrente máxima, nas duas posições na chave  inversora.  Em seguida, foi  traçado um diagrama cartesiano do dmédio  versus I.  
d = f(I)  
R= 0,10 m  
N= 10 espiras  
x = 0,50m  
- Fazer  a medição do desvio médio dmédio em função do número de espiras N para o  raio R e...
tracking img