Lavagem de vidrarias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1792 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
ESCOLA SUPERIOR SÃO FRANCISCO DE ASSIS
CURSO TECNICO EM QUIMICA
QUIMICA ORGÂNICA II

Geisy Buctke
Jecilane Maier Schultz
Josiane Dettmam Dias
Pablo Salviato Sperandio

EXTRAÇÃO DO PRODUTO NATURAL LAPACHOL

Santa Teresa
2010
Geisy Buctke
Jecilane Maier Schultz
Josiane Dettmam Dias
Pablo Salviato Sperandio

EXTRAÇÃO DO PRODUTO NATURAL LAPACHOL

Relatório referente à aula praticarealizada na disciplina de Química Orgânica II do curso técnico em Química da Escola Superior São Francisco de Assis, sob orientação do Professor Enrique Rocha.

Santa Teresa
2010
INTRODUÇÃO

A experiência aqui descrita ilustra a obtenção de uma substância existente na madeira que provem do caule do ipê. A madeira é um material complexo que contém uma quantidade enorme de substâncias(celulose, lignina, água, sais minerais etc.). Além destas, as plantas produzem outras substâncias que são características de cada espécie. Essas substâncias em geral apresentam qualidades medicinais e muitas vezes estão presentes nos chás usados pela população; vale também destacar que alguns materiais extraídos de plantas (corantes, óleos, látex, essências de perfumes) possuem alto valor comercial. Umbom exemplo é o Lapachol, uma naftoquinona extraída da casca de várias espécies de plantas do gênero Tabebuia, família Bignoneaceae. Dentre elas, está a Tabebuia ochracea, que é conhecida no Brasil como “Ipê Amarelo” estando largamente distribuída pelo país, sendo encontrada desde a Amazônia até o estado do Paraná.
O Lapachol é uma substância química do grupo das quinonas, identificada como a2-hidroxi-3-(3-metil-2-butanil)-1, 4-naftoquinona, estruturalmente relacionada com a vitamina K. As quinonas representam uma ampla e variada família de metabólitos de distribuição natural. Um grande número de atividades terapêuticas têm sido atribuídas ao Lapachol e seus derivados e nos últimos anos intensificando o interesse nestas substâncias, não só devido à sua importância nos processosbioquímicos vitais como também ao destaque cada vez maior que apresentam em variados estudos farmacológicos.
Além de potencialmente atraente para os estudantes, sua obtenção possibilita desmistificar alguns impasses que dificultam e impossibilitam o trabalho experimental.

OBJETIVOS

• Obtenção de Lapachol (classe das naftoquinonas) a partir da serragem do ipê
utilizando a técnica de extraçãoácido-base.

MATERIAIS NECESSÁRIOS

• Serragem de Ipê;
• NaOH;
• HCl;
• Etanol;
• Béquer de 1 L;
• Papel de filtro;
• Bastão de vidro,
• Funil de vidro.

PROCEDIMENTO

Colocou-se em um béquer de 2 L cerca de 100 g de serragem de Ipê e adicionou-se 800 mL de uma solução aquosa 1% de hidróxido de sódio. Agitou-se periodicamente a solução, vermelho-intenso, do sal sódico do lapachol, com umbastão de vidro, por 30 minutos. Removeram-se os resíduos insolúveis por filtração em papel e também com pano (gase). Adicionou-se lentamente ao filtrado uma solução de HCl 6 mol/L. À medida que o acido foi sendo adicionado, a cor vermelha da solução foi desaparecendo e começou a surgir na superfície o lapachol amarelo-opaco. Quando toda a cor vermelha da solução desapareceu, pesou-se um papel defiltro e filtrou-se novamente a mistura, preferencialmente a vácuo. Deixou-se secar o material sólido ao sol ou em dessecador. Determinou-se o rendimento bruto do lapachol.
Recristalizou-se o lapachol em um béquer de 100 mL, com 20 mL de etanol a quente, usando banho-maria ou chapa aquecedora. O rendimento é condicionado à espécie de ipê utilizada.
Colocou-se cerca de 0,05 g de lapachol emdois tubos de ensaio. Em um deles colocou-se 1 mL de solução saturada de carbono de sódio e no outro solução de bicarbonato de sódio 5%. Anotaram-se as observações.

RESULTADOS E DISCUSSÕES

Colocou-se em um béquer de 2 L cerca de 100 g de serragem de Ipê e adicionou-se 500 mL de uma solução aquosa 1% de hidróxido de sódio dissolvendo-se prontamente nessa solução alcalina; e formando assim...
tracking img