Knjkl

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2301 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Faculdade Integrada Tiradentes - FITS

Psicologia Jurídica
Unidade I

Profª Nielky Nóbrega

Maceió - Al Fevereiro 2013

Perspectivas teóricas em Psicologia

Proposta:
1. 2. 3.

Abordagens psicodinâmicas; Abordagem comportamental; Abordagem cognitiva.

Perspectivas teóricas em Psicologia


As teorias em Psicologia são apresentadas sem preocupação com a sequência histórica quemarcou seu desenvolvimento e, também, sem a intenção de esgotar a variedade de abordagens teóricas. As teorias auxiliam na compreensão e entendimento que cerca o tão complexo e fascinante: comportamento humano.



ABORDAGEM PSICODINÂMICA

Perspectivas teóricas em Psicologia
Abordagens Psicodinâmicas


As linhas de pensamento teórico chamam a atenção para os mecanismosintrapsíquicos, a relação entre o consciente e o inconsciente, impulsionando o comportamento humano.



Contribuições marcantes: Freud, Jung, Adler, Winnicott e outros.

Perspectivas teóricas em Psicologia
Sigmund Freud
 






Conceito de inconsciente; A maior parte dos processos mentais é absolutamente inconsciente; Para o inconsciente não existe o conceito de tempo, de certo e errado enão há contradição; Ato falho; Aparelho psiquíco: id, ego e superego.

Perspectivas teóricas em Psicologia
Id ou isso




A parte mais primitiva e menos acessível da personalidade, constituída de conteúdos inconscientes, inatos ou adquiridos, que buscam a contínua gratificação. O id não conhece juízo de valor, busca sempre a satisfação imediata; atua de acordo com o princípio do prazer ea ele não se aplicam as leis lógicas do pensamento.

Perspectivas teóricas em Psicologia
Ego ou eu






Responsável pelo contato do psiquismo com a realidade externa, contém elementos conscientes e inconscientes. O ego atua de acordo com o princípio da realidade, por meio do pensamento realista. O ego não existe sem o id e o superego. Papel de estrategista.

Perspectivas teóricasem Psicologia
Superego ou supereu






Atua como um censor do ego. Tem a função de formar os ideais, a auto-observação etc. O superego constitui “a força moral da personalidade. Ele representa o ideal mais do que o real e busca a perfeição mais do que o prazer”. O superego recompensa o ego por comportamentos aceitavéis e cria sentimentos de culpa para castigá-lo por ações oupensamentos contrários a princípios morais.

Perspectivas teóricas em Psicologia





A justiça pode apresentar-se como um “superego externo”, ao atuar expondo e exigindo o cumprimento de normas éticas e morais na sociedade. O indivíduo dominado pelo id ou pelo superego tem o senso de realidade prejudicado – estará mais propenso, por exemplo, a cometer crimes e delitos, para auto-gratificação,ainda que em prejuízo da sociedade.

Perspectivas teóricas em Psicologia
Mecanismos de defesa do ego


Deslocamento: a pessoa transfere a emoção ligada a uma idéia de difícil ou impossível aceitação para outra, desviando “sentimentos emocionais de sua fonte original a um alvo substituto”. Exemplo: Para lidar com uma paixão socialmente proibida, a pessoa embriaga-se.

Perspectivasteóricas em Psicologia


Distração: o indivíduo desloca a atenção, inconscientemente, para objeto diferente daquele com o qual se ocupava. Exemplo: O jurado perde a concentração e não ouve a descrição minuciosa de uma cena de sexo. Fantasia: a troca do mundo que temos por aquele com o qual sonhamos. Exemplo: O traficante que justifica para ele mesmo e para os outros que poderá deixar o negócio assimque tiver ganho o suficiente.



Perspectivas teóricas em Psicologia


Identificação: o indivíduo modela sua conduta para tornar-se parecido com outra pessoa. Exemplo: Componentes de gangues identificam-se com os líderes, vestindo-se e comportando-se como eles.
Negação da realidade: o indivíduo recusa-se a reconhecer fatos reais e os substitui por outros imaginários. Exemplo: Pais...
tracking img