Internet

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2462 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A INTERNET E O MARKETING DIGITAL

Na medida em que o acesso a computadores e consequentemente a internet foi crescendo, o ciberespaço foi também se desenvolvendo para chegar a essa complexa rede de hoje. É difícil até de imaginar a vida sem a internet, as facilidades que vieram foram inúmeras, como pesquisas rápidas, interatividade e comunicação. Hoje, segundo TORRES (2009), existem 45 milhõesde usuários brasileiros conectados a rede. Uma pesquisa realizada em 2008 pela CETIC (Centro de Estudo sobre as Tecnologias da Informação e Comunicação), revela que 28% dos domicílios brasileiros contém um computador, sendo 95% da classe A, 70% da classe B e 25% da classe C. Esses dados mostram que o computador está fazendo parte do dia-a-dia dos brasileiros, inclusive da classe C. Seconsiderarmos a expansão do crédito esses números ainda podem aumentar no decorrer dos anos. A pesquisa ainda vai além e mostra que 43% dos entrevistados já tiveram acesso a internet, sendo eles 90% da classe A, 76% da classe B e 46% da classe C. Se considerarmos que o acesso ao computador/internet não ocorre apenas em domicílios, mas também em lan houses, trabalho, escolas, e em entre outros lugares, essenúmero ainda aumenta e muito.

Baseado nesses dados, pode-se analisar que a população de usuários é considerável para que se realize algum tipo de comunicação via internet. Principalmente pelo fato de que essa pesquisa foi de 2008, e, como se sabe que a classe C está em uma fase de crescimento econômico, estes dados tendem a aumentar, principalmente pela facilidade do crédito.

Na maior partedos países industrializados, quase 80% da população está conectada a internet de casa, e o mesmo se aplica para as classes médias urbanas da maior parte dos países em desenvolvimento. Os países onde as taxas de aumento das conexões são mais elevadas são o Brasil, Rússia, a Índia e a China. (LÉVY E LEMOS, 2010, p.10)

Na internet, o empreendedor não deve-se limitar apenas ao seu próprio país, poiscomo diz o texto descrito acima, 80% da população de países industrializados estão na rede, além do mais no caso de ONGs e projetos sociais, no que si diz respeito a captação de parceiros e investidores potenciais.

As organizações, sejam elas privadas ou sem fins lucrativos, que não investem na internet, estão desatualizadas, e, certamente atrás de seus concorrentes que certamente jáimplantaram seus negócios na rede.

A internet é uma rede de milhões de pessoas, de todas as classes sociais, que buscam informação, diversão e relacionamento e que comandam, interagem e interferem em toda e qualquer atividade ligada a sociedade e aos negócios. (TORRES, 2009, p. 44)

Diferente das mídias tradicionais em que o controle é dos grupos empresarias (os donos), na internet o controle é doconsumidor. Mesmo que alguma empresa não esteja nela, os consumidores dessa mesma empresa estão lá, e certamente estarão fazendo comentários a respeito de seus produtos e serviços, comparando com concorrentes e buscando formas de se relacionar com tal empresa através de redes sociais, fóruns, blogs, etc.
Por isso, não basta investir de qualquer forma na rede. Da mesma maneira que qualquer modo decomunicação, é preciso haver um planejamento de marketing digital, saber como e em que mídias investir dentro da internet. Ainda segundo TORRES (2009), ao se pensar nos consumidores on-line, não devemos pensar em meras máquinas/computadores, e sim em pessoas, suas historias e seus desejos. O foco é o mesmo, relacionamento e necessidades a serem atendidas. Assim, a visão que mais se aproxima darealidade é baseada no comportamento do consumidor, e considerar que o internauta é o mesmo consumidor, o mesmo ser humano, que também vê TV, ouve radio, lê jornais e revistas, trabalha, passeia e vive como um cidadão comum. Enfim, a internet é feita de pessoas.

A transformação da esfera midiática pela liberação da palavra se dá com o surgimento das funções comunicativas pós-massivas que permitem...
tracking img