Ines de castro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 32 (7941 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Amor de Pedro e Inês

Disciplina: Língua Portuguesa

Índice

1. Introdução
1.1 Historia trágica de ines de Castro está presente na história;
2. Desenvolvimento
2.1 As personagens envolvidas;
2.2 Factos históricos;
2.3 Referencia ao episódio lírico Inês de castro em os Lusíadas;
2.4 Outros textos;

3. Conclusão
4. Bibliografia
5. Anexos

Introdução

O amorde Pedro e Inês, desde o século XV, serviu de tema literário, poetas e escritores encontraram neste amor trágico uma fonte de inspiração. Da vida de Inês de Castro pouco se sabe, a sua trágica morte e o amor sem limites de D. Pedro e a forma como este quis perpetuar esses amores, alimentou desde cedo a poesia e a narrativa histórica, não deixando morrer o mito Inês de Castro.
As fontes históricasdo amor de Inês de Castro e D. Pedro são as crónicas de: López de Ayala (D. Pedro), Fernão Lopes (D. Pedro) e Rui de Pina (D. Afonso IV).



Personagens envolvidas
e
Factos Históricos

O tema de Inês de Castro embora tenha uma sólida base histórica, tem simultaneamente uma persistência mítica que se tem mantido ao longo de séculos. Não há a menor dúvida da sua ligação à Quinta dasLágrimas.
Inês de Castro terá nascido entre 1320 e 1325 na Galiza, era filha ilegítima de Pedro Fernandes de Castro, nobre galego e de Aldonça Suárez de Valadares, uma dama portuguesa, e irmã de D. Fernando e de D. Álvaro Pires de Castro. Pelo lado paterno era bisneta ilegítima de D. Sancho de Castela, pai de D. Beatriz de Castela que era mãe de D. Pedro, futuro Rei de Portugal. Era, portanto, primaem 3º grau de D. Pedro.
D. Pedro I nasceu em Coimbra a 8 de Abril de 1320 e morreu em Lisboa a 18 de Janeiro de 1367, quarto filho de D. Afonso IV e de Beatriz de Castela. O seu primeiro casamento foi com Branca de Castela, a quem repudiou por debilidade física e mental. Foi então acordado o seu casamento com D. Constança, filha de João Manuel de Castela, poderoso nobre descendente da Casa RealCastelhana.
D. Inês de Castro, veio para Portugal no séquito da D. Constança, como sua aia.
D. Pedro casou com a sua prometida, D. Constança, mas logo se apaixonou por D. Inês tão profundamente, que com ela manteve um grande amor, de que nasceram D. João e D. Dinis.
D. Afonso IV não aprovava esta relação, não só por motivos diplomáticos com João Manuel de Castela, mas também devido à amizadeíntima de D. Pedro com os irmãos de D. Inês (Fernando de Castro e Álvaro Pirez de Castro). Sentindo-se ameaçados pelos irmãos Castro, os fidalgos da corte portuguesa pressionavam o rei D. Afonso IV para afastar esta influência do seu herdeiro. Assim, em 1344 o rei mandou exilar Inês no castelo de Albuquerque, na fronteira castelhana. No entanto, a distância não teria apagado o amor entre Pedro e Inêsque, segundo a lenda, continuavam a corresponder-se com frequência.
A ligação amorosa entre o infante D. Pedro e Inês de Castro provocou forte conflito entre D. Afonso IV e seu filho e provocou a morte prematura de Constança Manuel, que faleceu ao dar à luz o futuro rei Fernando I de Portugal.
Viúvo, Pedro mandou Inês regressar do exílio e os dois foram viver juntos em Coimbra, no Palácioanexo ao Convento de Santa Clara, situado junto ao Rio Mondego e à Quinta das Lágrimas. O que não deixaria de causar grande escândalo na corte, para enorme desgosto de El-Rei, seu pai. Começou então uma desavença entre o Rei e o Infante.
D. Afonso IV tentou remediar a situação casando novamente o seu filho com uma dama de sangue real. Mas Pedro rejeitou este projeto. No entanto, fruto dos seusamores, Inês foi tendo filhos de D. Pedro. O nascimento destes, veio agravar a situação.
Havia boatos de que o príncipe se tinha casado secretamente com D. Inês. O rei D. Afonso IV decidiu que a melhor solução seria matar a dama galega. Na tentativa de saber a verdade, o rei ordenou dois conselheiros seus dizerem a Pedro que ele se podia casar livremente com Inês se assim o pretendesse. D. Pedro...
tracking img