Humanidades

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1641 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
IHAC – Instituto de Humanidades Artes e Ciências Professor Milton Santos
Componente: Estudos das Humanidades
Docente: João José Borges
Estudante: Vanessa Rocha Costa

Roteiro de Trabalho Individual

Responda às questões usando no máximo quatro páginas para o conjunto das mesmas. Atenha-se a escrever com sua própria autoria, limitando-se a fazer uso de apenas, no máximo, uma citação porquestão e mencionando fonte e página da mesma. Você deve encaminhar um email para joaojose13@uol.com.br com o assunto “Trabalho Individual de Humanidades” com cópia para joaomundo@hotmail.com. Até às 24 horas do dia 13 de junho.

Primeira questão: “A humanidade é aquilo tem fome (...). A humanidade teve e tem fome de alimento mas ela também teve fome de vestimentas e em seguida de outrasvestimentas que não as do ano anterior, ela teve fome de automóveis e de televisão, fome de poder e fome de santidade, ela teve fome de ascetismo e de libertinagem, ela teve fome de místico e fome de saber racional, fome de festas e de tragédias, e agora parece ter fome de lua e de planetas. É preciso uma boa dose de cretinismo para pretender que ela inventou todas essas fomes porque não conseguia comer efazer amor suficientemente.”(Castoriadis, 1977)
Relacione o fragmento acima com a discussão histórica de Hannah Arendt acerca da condição humana, salientando as “diversas fomes” que movem a Victa Activa, bem como as hierarquizações tematizadas pela autora.

Segunda questão: Estabeleça relações temáticas acerca da noção de “liberdade” entre pelo menos dois dos autores estudados: Hannah Arendt,Norbert Elias, Peter Berger e Hans Jonas.

Terceira questão
“Senhor Deus dos desgraçados! Dizei-me vós, Senhor Deus! Quanto horror perante os céus! (...) São os filhos do deserto,/Onde a terra esposa a luz./Onde vive em campo aberto /A tribo dos homens nus...
São os guerreiros ousados/Que com os tigres mosqueados /Combatem na solidão.
Ontem simples, fortes, bravos/Hoje míseros escravos,Sem luz, sem ar, sem razão. /Negras mulheres, suspendendo às tetas
Magras crianças, cujas bocas pretas /Rega o sangue das mães: /Outras moças, mas nuas e espantadas,
No turbilhão de espectros arrastadas, /Em ânsia e mágoa vãs!”
A Quais atividades humanas (Arendt) o Poema Navio Negreiro de Castro Alves faz referência? Justifique e ilustre com passagens do poema.
Quarta questão: “Dessainterdependência de pessoas surge uma ordem sui generis, uma ordem mais irresistível e mais forte do que a vontade e a razão das pessoas isoladas que a compõem.” (Elias, 1997).Comente o trecho acima, explicitando o argumento central desenvolvido por Norbert Elias em sua pesquisa acerca do “Processo Civilizador”.
Quinta questão: Exemplifique as fases da “história intelectual da humanidade” tematizadaspor Hans Jonas: o pan-vitalismo, o dualismo, o pan-mecanismo, o idealismo e o materialismo, comentando cada uma delas.

QUESTÃO 1) Relacionando o fragmento com os pensamentos de Hannah Arendt, podemos perceber que essas “diversas fomes” da humanidade se encaixam perfeitamente em seus conceitos de Vita Activa (labor, trabalho e ação). O humano em si, tem a necessidade de renovação, por isso acada dia ele tem uma “fome” diferente. Quando o fragmento fala da “fome” de vestimentas e de alimentos seria uma forma de labor, pois labor é tudo aquilo que necessitamos, para nos mantermos vivos, da obtenção e do consumo de alimentos e de outros bens que asseguram nossa inserção no ciclo vital. A “fome” de automóveis se encaixa perfeitamente em trabalho, tudo aquilo que é superficial, artificial,duradouro. Pode ser realizado sozinho ou não, e todo o resultado do trabalho pode ser destrutivo – um automóvel pode quebrar- o ideal que aspira a atividade produtiva é de legar ao mundo resultados duradouro, mas nem sempre é possível. Todas as outras “fomes” (poder, festas, tragédias, libertinagem, místico...) são formas de ação. Hanna fala em um trecho de seu livro “A Condição Humana” o...
tracking img