Hpv adoslecencia pesquisa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5421 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
27.01.10 12:41
HPV x Adolescência
Por: Protagonismo Juvenil e Educação Entre Pares | Comentários: 8 Comentários
HPV: 25% das adolescentes que fazem sexo têm o vírus.
Uma em cada quatro adolescentes sexualmente ativas está contaminada pelo HPV – um vírus transmitido pelo sexo e pode causar câncer de colo de útero.
A constatação é de uma pesquisa feita pela Fundação Oswaldo Cruz, do Rio deJaneiro. A infecção foi detectada em meninas que tinham iniciado a vida sexual há apenas um ano. Quando chegam a cinco anos de atividade sexual, a porcentagem de infectadas sobre para 40%.
No Espírito Santo, a situação não é diferente, garante o ginecologista Otto Baptista. “Os adolescentes estão iniciando sua vida sexual muito cedo, sem proteção e com uma grande variedade de parceiros. Como adoença demora a se manifestar, o infectado continua a ter relações, multiplicando os casos”, detalha.
O mais preocupante, segundo o médico, é que a maioria das adolescentes não tem o costume de procurar o médico, mesmo quando já são sexualmente ativas. “Elas só procuram, quando a doença dá sinais, como corrimento ou verrugas”, alerta o médico.
No Brasil, estima-se que 3% das mulheres infectadas pelovírus poderão desenvolver câncer de colo uterino. “Isso depende muito do estado imunológico do paciente. Algumas vezes, a doença só se manifesta na gravidez, mas a menina continua infectando os parceiros”, ressalta Otto.
Além de um tratamento doloroso, que pode incluir até a retirada do útero, a doença pode voltar a qualquer momento, mesmo depois de tratada.

“Da mesma forma que se expõem aoHPV, as meninas também estão suscetíveis a outros tipos mais graves de doenças sexualmente transmissíveis, como a Aids, além do risco de uma gravidez indesejada”, lembra o médico.
Já há vacinas disponíveis no mercado, voltadas especialmente para mulheres mais jovens, mas o mais completo meio de prevenção é o uso da camisinha, ressalta Otto.
Para todas as mulheres sexualmente ativas, recomenda-sevisitas regulares ao ginecologista, pelo menos uma vez por ano, para a realização do exame preventivo, o Papanicolau, capaz de detectar o HPV. “Quem varia muito de parceiro deve procurar o médico a cada seis meses”, ressalta Otto.
ARTIGO DE REVISÃO
24 Rev Bras Pat Trato Gen Inf 2011;1(1):24-27
Infecção pelo papilomavírus humano na adolescência
Papillomavirus infection in adolescence
AdrianaBittencourt Campaner1, Cíntia Irene Parellada2, Fernanda de Araujo Cardoso3
1Médica chefe da clínica de Patologia do Trato Genital Inferior e Colposcopia (PTGIC) – São
Paulo (SP), Brasil; Doutora em Medicina pelo Departamento de Obstetrícia e Ginecologia da
Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, Faculdade de Ciências Médica da
Santa Casa de São Paulo – São Paulo (SP), Brasil.2Doutora em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) – São
Paulo (SP), Brasil; Editora da Homepage e revista da Associação Brasileira de PTGIC – São Paulo
(SP), Brasil.
3Mestre em medicina; Médica assistente da clínica de PTGIC do Departamento de Obstetrícia e
Ginecologia da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo – São Paulo (SP), Brasil.
Endereçopara correspondência:
Adriana Bittencourt Campaner – Departamento de Obstetrícia e Ginecologia
Rua Cesário Mota Jr., 112, Vila Buarque – CEP: 01221-020 – São Paulo (SP), Brasil.
E-mail: abcampaner@terra.com.br
Fonte de finaciamento: Nenhuma.
Conflito de interesse: Adriana Bittencourt Campaner é médica pesquisadora da vacina
multivalente contra o HPV – MSD. Cíntia Irene Parellada é gerentemédica MSD da área
respiratória.
Recebido em: 06/03/2011
Aprovado em: 15/07/2011
Resumo
A adolescência compreende uma fase da vida caracterizada por mudanças marcantes. Sabe-se que as adolescentes, de maneira geral, apresentam fatores
de vulnerabilidade em relação às adultas, entre os quais se destacam os biológicos, comportamentais, cognitivos e culturais. As alterações do pH vaginal da...
tracking img