Historia do paraguai

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1039 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Historia

do



paraguai















Nome; kethlly cariny militão

Turma; 701









O Paraguai (em espanhol: Paraguay; em guarani: Paraguái), oficialmente República do Paraguai (República Del Paraguai; Tetã Paraguai), é um país do centro da América do Sul, limitado a norte e oeste pela Bolívia, a nordeste e leste pelo Brasil e a sul e oestepela Argentina. Sua capital é a cidade de Assunção. O Paraguai é um dos dois países da América do Sul que não possuem uma saída para o mar, juntamente com a Bolívia. Possui uma área de 406.752 km², um pouco maior que o estado brasileiro de Mato Grosso do Sul. O nome do país é derivado da palavra guarani Paraguai, que significa "de um grande rio".O "grande rio" é o rio Paraguai, que divide o pais em duasregiões, Region. Oriental e Region. Ocidental (ou Chaco). Situado no centro-sul da América do Sul, o Paraguai possui extensa área plana no leste, onde se cultiva soja, o principal produto de exportação. A região de cerrado do Gran Chaco, a oeste, é usada para a pecuária. O rio Paraguai, que liga o norte ao sul, é a principal via comercial num país sem acesso ao mar. Vivem no Paraguaimuitos brasileiros, os brasiguaios, que ocupam uma Área cada vez maior junto da fronteira com o Brasil,  fonte de tensão com os habitantes locais. [13] Famoso centro de contrabando, o país é rota do tráfico internacional de drogas. Após décadas de ditadura, o regime político é instável e padece de alto grau de corrupção. As usinas hidrelétricas construídas em associação com o Brasil (Itaipu) ea Argentina(Yaciretá) fornecem energia abundante e barata ao país.


Economia

A economia paraguaia baseia-se em produto agropecuários e florestais, que representam 75% das exportações. Entre os recursos agrícolas destacam-se a cana-de-açúcar, o algodão, a soja e o tabaco. O país também produz cereais, milho, erva-mate e mandioca, base tradicional da alimentação doshabitantes. A pecuária é muito desenvolvida. Em ordem de importância, conta com a criação de bovinos, suínos e ovinos. As principais espécies de madeiras florestais de exportação são o quebracho, o mogno, a nogueira e ocedro. O Paraguai possui indústrias de erva-mate, cervejeira, alimentícia, de tabaco, de rum e álcool, de preparação de carnes e couros e ligada à exportação de tanino óleo de soja, deparket e lâminas de madeiras. Seus complexos hidrelétricos, como a Usina Hidrelétrica de Itaipu (co-financiada com o Brasil), fornecem um índice de cobertura energética de 175,2% — bem acima do consumo interno, porém tem também a Usina Del Acaray em Hernandarias e a Usina de Yacyreta que está sendo construída em parceria com a Argentina. Os cursos fluviais dos rios Paraná e Paraguai funcionam comovias de comunicação. Dos países vizinhos importa principalmente maquinaria, materiais de construção e produtos têxteis e químicos.Exporta eletricidade — os rendimentos cobrem as importações de petróleo. O país é autossuficiente em trigo e em outras matérias-primas alimentícias. Grande dependência da agricultura (a atividade responde por 50% do PIB e 90% das exportações). Poucos minérios exploradoscomercialmente. Em 2010, o Paraguai está experimentando a maior expansão econômica da região e a mais alta da América Latina, com uma perspectiva histórica de crescimento do PIB de 9%, podendo chegar a 13% para o final do ano. Só no primeiro semestre de 2010, o país teve un. crescimento econômico de 14%.O 49,9% do crescimento do PIB corresponde à agricultura; o 9,7% à indústria (incluindo aconstrução e as utilidades públicas); o 34% corresponde a serviços e 6,1% às taxas. Uma nova estimativa da consultora internacional norte-americana PricewaterhouseCoopers indica um crescimento de 10,5% da economia paraguaia para 2010.


Agricultura, pecuária e pesca.

As pequenas propriedades agrícolas produzem milho, mandioca, cana-de-açúcar e fumo, utilizando técnicas...
tracking img