Gestalt

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1052 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
GESTALT
A Psicologia da Forma

1

• A Psicologia da Gestalt é uma das tendências teóricas mais coerentes e coesas da história da psicologia. • Seus precursores preocupavam-se em construir uma teoria consistente e uma forte base metodológica que sustentasse a teoria.

2

Breve histórico
• Final do século 19 – cientistas buscavam compreender e mensurar fenômenos psicológicos. APsicofísica estava em evidência.
• Antecessores da Gestalt: Cientistas como Ernst Mach (1838-1916) e Christian von Ehrenfels (1859-1932) desenvolviam a psicofísica com estudos sobre sensações (dado psicológico) de espaço-forma e tempo forma (dado físico).
3

• Max Wertheimer (1880-1941), Wolfgang Köhler (1887-1967) e Kurt Koffka (18861941), a partir dos estudos que relacionavam a forma e suapercepção, construíram a base de uma teoria eminentemente psicológica.

4

• Iniciam-se os estudos sobre percepção e sensação do movimento. Os gestaltistas buscavam compreender quais os processos psicológicos que estavam envolvidos na ilusão de ótica, quando o estímulo físico é percebido de forma diferente da que ele é na realidade. • EX: Cinema – O movimento que vemos na tela é uma ilusão de óticacausada pela pós-imagem retiniana.
5

A Percepção
• A percepção é o ponto de partida e também um dos temas centrais desta teoria e levou a um questionamento de um principio implícito no Behaviorismo. • Entre o estímulo que o meio fornece e a resposta está a percepção – ponto fundamental para a compreensão do comportamento humano. • Estímulo – Percepção - Resposta
6

• Para essa teoria, ocomportamento deveria ser estudado nos seus aspectos mais globais, levando em conta as condições que alteram a percepção do estímulo.

7

Teoria do Isoformismo
• Identidade estrutural entre a experiência fenomenal (processos cerebrais que correspondem à percepção) e o seu correlato fisiológico, o fenômeno físico sensível.
• Quando vemos uma parte de um objeto, ocorre uma tendência natural àrestauração do equilíbrio da forma, garantindo o entendimento do que é percebido.
8

• Este fenômeno da percepção é norteado pela busca do fechamento, simetria e regularidade dos pontos que compõem a figura (objeto). •

9

Boa-Forma
• A Boa-Forma refere-se ao objeto que apresenta-se com clareza, de maneira a permitir sua decodificação (equilíbrio, simetria, estabilidade e simplicidade). • Amaneira como percebemos um determinado estímulo irá desencadear nosso comportamento. • O comportamento pode variar de acordo com a interpretação que fazemos da realidade.
10

• A tendência da nossa percepção em buscar a boa-forma permitirá a relação figura-fundo. • Quanto mais clara estiver à forma (boa forma) mais clara será a separação entre figura e o fundo. • Quando não há clareza, édifícil distinguir o que é figura e o que é fundo, ficando a mercê da percepção de quem os olha.
11

Figuras Ambíguas

12

Figuras ambíguas

13

Figuras ambíguas

14

Figuras ambíguas

15

Meio geográfico e meio comportamental
• O comportamento é determinado pela percepção do estímulo e estará submetido à lei da boa-forma.
• O Conjunto de estímulos determinantes docomportamento é chamando de meio ou meio ambiental.

16

• Há dois tipos de meios: • O meio geográfico: meio físico em termos objetivos.
• O meio comportamental (subjetivo): resultante da interação do indivíduo com o meio físico. • Implica a interpretação desse meio através das forças que regem a percepção (equilíbrio, simetria, estabilidade e simplicidade). • Assim o comportamento é desencadeado pelapercepção do meio comportamental.
17

Campo Psicológico
• É entendido como um campo de força que nos leva a procurar a boa-forma. • Análoga a um campo de força eletromagnético criado por um imã que garantiria a busca da melhor forma possível em situações que não estão muito estruturadas.

18

• Esse processo ocorre de acordo com os seguintes princípios:

19

Semelhança

20...
tracking img