Gerontologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 45 (11248 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
GERONTOLOGIA


É a ciência que estuda o envelhecimento nos seus aspectos biológico, psicológico e social.


1) ASSISTÊNCIA GERIÁTRICA
É o conjunto de níveis assistenciais hospitalares, extra-hospitalares e sociais, que respondem, em determinada área da saúde, às diferentes situações, de doença ou necessidade dos idosos.




2) ENVELHECIMENTO
É o conjunto dealterações que os seres vivos sofrem com o decorrer do tempo. O envelhecimento deve-se à diminuição da natalidade, juntamente com o aumento da qualidade de vida.
O Brasil não é mais um país de jovens; é um país com muitos jovens, mas que envelhece rapidamente. Isso deve ser entendido como uma conquista.
O alarmante é verificar que o equacionamento correto do fenômeno ainda está longe de sercolocado como uma das prioridades dos governantes. O Brasil será, em 2025 a sexta nação do mundo com mais pessoas acima de 70 anos (cerca de 33 milhões).
O contingente que mais crescerá é o dos cidadãos acima de 80 anos. A expectativa de vida, de cerca de 72 anos (2006), aumentará gradativamente nas próximas décadas, determinando que o perfil das causas de morte e doenças invalidantes sejadefinitivamente relacionado com doenças crônico-degenerativas: hipertensão, diabetes, infarto, derrames, doença de Alzheimer, câncer, osteoporose...
O envelhecimento é uma fase natural da vida, determinada basicamente por três fatores:
a- Genética: o patrimônio genético é, pelo menos até agora, imutável; pessoas de famílias longinquas são candidatas a viver mais.
b- Estilo de vida: oestilo de vida deve ser alicerçado em hábitos saudáveis: atividade física regular e orientada, alimentar-se sem exageros, manter o peso ideal, ingerir álcool com moderação, não fumar e fazer controles médicos periódicos, mesmo na ausência de sintomas.
c- Ambiente: ausência de poluentes, infra-estrutura sanitária adequada, possibilidades de acesso ao mercado (com aumento da renda), fazerconsultas médicas, participar de eventos socioculturais e sentir-se produtivo até o fim da vida, dedicando-se a um ideal.
A ciência comprova que, se essas medidas forem adotadas, envelheceremos melhor.


3) TEORIAS SOBRE O ENVELHECIMENTO

a- Teoria Genética: todo o processo de envelhecimento, quer seja de células, órgãos e mesmo de todo o indivíduo, desde o nascimento até a morte, éprogramado pelos nossos genes. Nessa teoria, o tempo de vida pode ser controlado por um ou mais genes específicos, contribuindo de maneira ativa, independente ou em associação com outros genes, para a longevidade do organismo.
Uma das mais conhecidas formulações para essa teoria foi feita por Leonard Hayflick e sua equipe, que em 1977, demonstraram que as células somáticas têm capacidade de sedividir e se reproduzir por um número limitado de vezes, (aproximadamente 50 divisões). Este ponto denominado limite de Hayflick determina a morte natural da célula.
b- Teoria dos Hormônios: à medida que envelhecemos, alguns hormônios entram em rápido declínio que ocorre paralelamente ao surgimento dos sinais e sintomas de envelhecimento. Isto inclui o hormônio de crescimento humano, testosterona eestrogênio.


4) SITUAÇÕES DE SAÚDE/DOENÇA
Com o fim de planificar serviços e estabelecer objetivos, os indivíduos idosos podem classificar-se em 4 grupos:

a- Idoso são: as características físicas, funcionais, mentais e sociais estão de acordo com a idade cronológica. Estima-se que 25 a 40% dos indivíduos de 70 anos não tem enfermidades explícitas. A tarefa com este grupo é aprevenção, e a sua responsabilidade recai sobre os cuidados primários;


b- Idoso doente: é aquele que apresenta patologia aguda ou crônica, de gravidade variável, raramente invalidante, e que não se ajusta aos critérios de paciente geriátrico. Tanto a assistência como a prevenção, para este grupo recaem sobre os cuidados de saúde convencional;

c- Idoso frágil ou de alto risco: é aquele...
tracking img