Generos textuais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1618 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Fonte: Gêneros Textuais / Luiz Antônio Marcuschi.
1- Gêneros textuais como práticas sócio-históricas.
Gêneros textuais são fenômenos históricos vinculado à vida cultural. Contribuem para ordenar e estabilizar as atividades comunicativas do dia-a-dia.
Apresentam alto poder preditivo e interpretativo em ações humanas em qualquer contexto discursivo. Caracterizam-se comoevento textuais maleáveis, dinâmicos e práticos. Surgem emparelhados à necessidades e atividades sócio-culturais e na relação com inovações tecnológicas, o que é facilmente perceptível ao se considerar a quantidade de gêneros textuais hoje existentes em relação a sociedades anteriores à comunicação escrita.
Fazendo uma observação histórica do surgimento dos gêneros, observa-se que povos decultura essencialmente oral desenvolveram um conjunto limitado de gêneros. Após a invenção da escrita por volta do século VII aC multiplicam-se os gêneros, e na fase intermediária da industrialização (sec.XVIII), dá início a grande ampliação. Hoje em plena fase da cultura eletrônica, há uma explosão de novos gêneros como: telefone, gravador, radio, TV, computador, internet, enfim, novas formas decomunicação oral e escrita.
Gêneros textuais, surgem, situam-se e integram-se funcionalmente nas culturas em que se desenvolvem. São de inúmeras formas e de difícil definição formal. Obtêm denominações nem sempre unívocas e, assim como surgem, podem desaparecer. Em resumo percebemos que sem genêros não temos como nos comunicar, que são de extrema importância, pois tudo gira em torno dosgêneros. Sem gêneros não há comunicação.
2- Novos Gêneros e velhas bases.
A intensidade do uso das tecnologias ligadas a área da comunicação propiciaram o surgimento de novos gêneros textuais e interferem nas atividades comunicativas diárias. Assim o radio, a televisão, o jornal, a revista, a internet fazem parte da realidade social que vão propiciando e abrigando novosgêneros. A tecnologia favorece o surgimento de formas inovadoras, mas não absolutamente novas, por exemplo, o telefonema que assimila à conversação, o email que gera mensagens eletrônicas que se assimila aos bilhetes e cartas.
Esses novos gêneros possibilitam a redefinição de alguns aspectos centrais na observação da linguagem em uso como a relação da oralidade e a escrita. O ambiente em que ogênero aparece determina qual o tipo de gênero, como por EX: um “artigo científico” divulgando em uma revista científica. Esse mesmo artigo se for divulgado em um jornal, será considerado um artigo de divulgação científica, não terá o mesmo valor para a comunidade científica.
O autor deixa bastante claro que constantemente surgem novos gêneros e com a criação da tecnologia os gêneros semultiplicam de forma avassaladora, principalmente com a internet, que nos dá possibilidades infinitas de pesquisas, de comunicação, etc. Porém alguns gêneros são bastante semelhantes a outros já existentes como o e-mail que se assemelha as cartas, o telefonema que se assemelha a conversação. Fica bastante claro que um gênero pode ter o seu valor alterado dependendo do local em que foi aplicado, comoexemplo o autor cita um artigo científico publicado em uma revista científica e também em um jornal. Essa segunda não terá o valor de artigo científico mais sim de artigo de divulgação científica.
3- Definição de tipo textual e gênero textual.
Trata-se de definir de um lado o gênero textual e de outro tipo textual. É impossível se comunicar verbalmente há não ser por algum gênero,assim como é impossível se comunicar verbalmente, há não ser por um texto. Assim comunicação verbal só é possível por algum gênero textual.
Essa visão segue uma noção de língua como atividade social histórica e cognitiva. Os gêneros textuais se constituem como ações sócias discursivas para agir sobre o mundo e dizer o mundo, constituindo-o de algum modo.
Definição:
*Tipo...
tracking img