Franquismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3045 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Técnico de Electrónica, Automação e Comando
(TEAC-0212)

Este trabalho realizado por:

Nuno da Silva Simões
José Figueiredo
Francisco Baião


No âmbito na disciplina de CP1 com a supervisão da Docente Dr.ª Carla Soares.
Índice Geral

1 O Homem do Regime 1
2 O início da Franquismo 3
2.1 Quando surge o Franquismo? 3
2.2 Guerra Civil Espanhola 3
2.3 Apoiosexternos na Guerra Civil Espanhola 3
2.4 Fim da Guerra Civil 4
2.5 Consequências da Guerra Civil Espanhola 5
2.6 Franco assume o poder 5
3 Fundamentos ideológicos, base social e política do regime franquista e o seu Desenvolvimento 5
3.1 Falange Espanhola 5
3.2 Ideologia e fundamentos ideológicos 6
3.3 Base Política do Franquismo 7
3.4 Base Social 7
3.5 Grupos sociais queapoiaram 9
3.6 Grupos sociais que criticavam 9
3.7 O Franquismo e a Segunda Guerra Mundial 9
3.8 Reconhecimento do Regime de Franco no exterior 10
4 Os Horrores da ditadura de Franco 11
4.1 Campos de concentração franquistas 11
4.2 Bebés roubados do Franquismo 11
5 O fim do Franquismo 12

Índice de Figuras

Figura 1- General Franco 1
Figura 2- Estátua de Franco emSantander 2
Figura 3 – Documento 4
Figura 4 – Franco junto do presidente dos Estados Unidos, Eisenhower 10

O Homem do Regime

Figura 1- General Franco

*

Francisco Paulino Hermenegildo y Bahamonde Salgado Pardo de Andrade nasceu em Ferrol, Corunha, a 4 de Dezembro de 1892 e faleceu em Madrid a 20 de Novembro de 1975, foi um militar e chefe de estado de Espanha.Filho de um oficial de Marinha e de uma senhora de classe média entra para a academia de Infantaria de Toledo em Agosto de 1907. Aos 20 anos é enviado para Melilla, como Tenente-Coronel, na zona espanhola de Marrocos, distinguindo-se pelo seu valor e frieza no combate nas campanhas bélicas em Marrocos. É nomeado Chefe da Legião estrangeira em 1923 e participa activamente no desembarque de Alhucemase na reconquista do Protectorado. No mesmo ano, casa com Carmen Polo Martínez Valdés. Três anos mais tarde, nasce Carmen Franco Polo, única filha do Casal. Entre 1928 e 1931 dirige a Academia Militar de Saragoça. Quando da Implantação da República (1931), é afastado de cargos de responsabilidade e é destacado para os governos militares da Corunha e das Baleares. O triunfo das forças de direita em1933 fá-lo regressar a altos cargos do exército, e em Março de 1934, com 33 anos é promovido a General, o mais jovem da Europa. Planifica a cruel repressão da Revolução das Astúrias (1934) com tropas da Legião. Quando Gil Robles ocupa o Ministério de Guerra, é nomeado chefe do Estado Maior Central (1935). Dois anos volvidos, em Fevereiro, a Frente Popular vence as eleições, e Franco é nomeado paraas Ilhas Canárias. Dali mantém Contacto com Mol e Sanjurjo, que preparam o levantamento militar. Em 17 de Julho voa das Canárias até Marrocos, revolta a guarnição e torna-se comandante das tropas. Cruza o Estreito de Gibraltar com meios precários, (aviões cedidos por Mussolini e Hitler e navios de pouca tonelagem), e avança até Madrid por Mérida, Badajoz e Talavera de la Reina. Apodera-serapidamente da direcção militar e política de guerra (Setembro de 1936). Em Abril de 1937 une os partidos de direita e coloca-se à frente da nova organização como “caudillo”. Em Janeiro de 1938 converte-se em chefe de Estado e do Governo. Anos mais tarde diz que apenas presta contas da sua actividade “perante Deus e perante a história”. Ao que parece, está convencido de ser o homem escolhido pala divinaprovidência para reger os destinos de Espanha.


Figura 2- Estátua de Franco em Santander

O início da Franquismo

Quando surge o Franquismo?
O Franquismo surge na Espanha, na década 30 do século XX, Franco chega ao poder num momento de intensa crise económica e social. Não chega ao poder através do voto, nem através de um simples golpe entre elites, mas sim através de uma guerra...
tracking img