Filosofia geral 18

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1605 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
01. Assinale a alternativa que completa CORRETAMENTE, as lacunas abaixo:

Segundo ______________, o contrato social que possibilitou a saída do homem do estado de natureza não é legítimo, mas uma burla na qual os homens jamais deveriam ter consentido, pois os pobres, que teriam a perder apenas a liberdade, concederam o único bem que possuíam, sem ganhar nada em troca. Ele rejeita a tese de__________, segundo a qual o contrato põe fim ao estado de guerra e garante a segurança, e também a tese de ____________, segundo a qual o contrato social garantiria o usufruto da propriedade privada.

a) Hobbes - Rousseau - Locke

b) Locke - Hobbes - Rousseau

c) Rousseau - Locke - Hegel

   d) Rousseau - Hobbes - Locke

e) Marx - Hobbes - Locke



02. A palavra Filosofia é resultado dacomposição em grego de duas outras: philo e sophia. A partir do sentido desta composição e das características históricas que tornaram possível, na Grécia, o uso de tal palavra, pode-se afirmar que 



A) Sólon, mesmo sendo legislador, pode ser incluído na lista dos filósofos, visto que ele era dotado de um saber prático.

B) a palavra, atribuída primeiramente a Parmênides, indica a possede um saber divino e pleno, tornando os homens verdadeiros deuses.

C) a Filosofia, como quer Aristóteles, é um saber técnico, possibilitando, pela posse ou não de uma habilidade, tornar alguns homens os melhores. 

  D) a Filosofia, na definição de Pitágoras, indica que o homem não possui um saber, mas o deseja, procurando a verdade por meio da observação.

E) qualquer um pode encontrar emsi mesmo, pela intuição, a luz para o conhecimento. 



03. Filósofo contemporâneo de Tales de Mileto, para o qual o princípio da Physis é o apeíron, cujo constante movimento origina uma série de pares opostos - água e fogo, frio e calor - os quais constituem o mundo. Essa descrição refere-se a:

a) Anaxímenes.

b) Pitágoras.

c) Parmênides.

   d) Anaximandro.

e) Anaxágoras. 04. Em sua obra intitulada "A República", Platão apresenta a alegoria da caverna, através da qual ele procura ilustrar os passos do que ele chama de "o amor ao conhecimento". Com relação a essa alegoria, analise os itens abaixo:

I. Segundo a alegoria da caverna, o filósofo que chega à verdadeira realidade tem a missão de voltar à "caverna", mesmo que seja incompreendido pelos que ali estejampresos.

II. As sombras na parede da caverna representam o mundo inteligível, a única realidade que pode ser percebida pelos homens acorrentados, enquanto que o mundo fora da caverna, visto pelo homem que consegue escapar, representa a verdadeira realidade: o mundo sensível.

III. Para Platão, conhecer é conhecer o Bem, a Ideia Suprema que ilumina todas as outras ideias, tornando-ascompreensíveis, da mesma maneira que a luz do sol ilumina toda a realidade na alegoria da caverna.

Está(ão) CORRETO(S):

a) Apenas o item III.

  b) Apenas os itens I e III.

c) Apenas os itens II e III.

d) Apenas o item II.

e) Todos os itens.



05.  De que morreu Leibniz? 

a) Tuberculose 

    b) Gota 

c) Peste Negra

d) Assassinado

e) Acidentado



06. Acerca da obra "OPríncipe" de Maquiavel, é CORRETO afirmar que:

a) O objetivo supremo do governo é perpetuar-se no poder, não importando os meios para atingir esse fim.

b) O realismo político de Maquiavel não leva em conta considerações sobre justiça e moral, ainda que não deixe de assinalar determinados valores morais, os quais são considerados pelo autor como meios eficazes para a manutenção do poder.c) Segundo o autor, o príncipe deve ser um homem de virtù, ou seja, aquele que, conhecendo as circunstâncias e, valendo-se da liberdade de que o homem dispõe, é capaz de arrebatá-las a seu favor.

d) O autor considera que, quando for necessário fazer o mal, é melhor que o príncipe o faça "todo de uma vez", enquanto que o bem deve ser feito aos poucos, para atrair a gratidão dos súditos.

 ...
tracking img