“Fichamento” da leitura do texto de freire, paulo. pedagogia da autônoma: saberes necessários à prática educativa. são paulo: paz e terra, 1996. pag. 21-45.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1167 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
“Fichamento” da leitura do texto de FREIRE, Paulo. Pedagogia da autônoma: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996. Pag. 21-45.


Não há docência sem discência.

Ao analisar o processo de formação do docente é fundamental saber que essa formação implica em lidar com a prática educativa-crítica, respeitando a organização programática da formação do docente. Odocente não pode se projetar apenas para transferência de conhecimento; a docência é um ato de reciprocidade com a discência. A formação do professor é reflexo, a meu ver, do conjunto formado pela docência, discência e perspectiva do aluno (formando). Esse conjunto consiste na construção do ensinar. E dessa forma pode-se comprovar o que há no texto “aprender precedeu ensinar ou, em outras palavrasensinar se diluía na experiência realmente fundante de aprender” (página 24). Tudo o que foi dito anteriormente contribui para a formação de uma “curiosidade epistemológica”. Com ela haverá o avanço nas áreas que seguem o campo da educação: a política, pedagogia, gnosiologia e a ideologia, todos esses interligados com a ética, um fator essencial para educação progressista. O surgimento e aconseqüência da educação crítica vêm do padrão imposto: uma educação autoritária que existe apenas para transferência de conhecimento e está distante da prática de ensinar-aprender. O fortalecimento da educação progressista é estar sempre na constatação, rebeldia e, claro, no avanço na “curiosidade epistemológica” que dá consistência ao trabalho de ensinar- aprender do educador democrático.

1.1 — Ensinarexige rigorosidade metódica.
A compreensão de ensinar para o educador crítico é de uma condição de responsabilidade no atuar de uma metodologia construtiva no pensar.A análise do educador deve conter uma visão ampla da realidade da sociedade com o ensino pedagógico propriamente dito. Assim o docente terá atitude do ensinar e pensar certo. Lembrar que a ação proposta está interligada entre oaprender e o pesquisar e acima de todo esse posicionamento a ética sempre prevalecendo. Ao pensar certo o professor tem que estar “antenado” com o mundo e saber pensar e passar para o educando que a mudança do mundo vem dos seres humanos, e ter o otimismo para mudança futura.

1.2 — Ensinar exige pesquisa.
O avanço na epistemologia do educador progressista está, sem duvidas, incorporado na pesquisacomo é retratado no texto: “não há ensino sem pesquisa e pesquisa sem ensino” (pagina 29). A pesquisa para o educador é de grande importância por ser a conjunção de constatar e intervir e, intervindo, se educam entre si o educador e o educando. A partir desse comportamento surgirá o senso comum em respeito também a envoltura do educando que é o alvo. A pesquisa vai proporcionar o pensar certo que éfruto da consciência crítica.

1.3 — Ensinar exige respeito aos saberes dos educandos.
O educador, ao trabalhar com o educando, deve ter respeito aos saberes do mesmo e lembrar que seus saberes surgem, em boa parte, do meio onde ele vive. O educador tem que ser ético relacionado às classes sociais, principalmente as menos favorecidas que sofrem por conseqüência de sistema desigual. Com isso,devem ser construídos questionamentos a respeito do sistema que vivemos indo de contra, dessa forma, a uma educação fatalista. Porque ao questionar surgirá uma consciência crítica sobre o sistema capitalista e, através desse caminho, poderá chegar ao senso comum.

1.4 — Ensinar exige criticidade.
A educação crítica é de uma envoltura do início da curiosidade “ingênua”, quando está ligada aosaber do senso comum e o processo metodicamente no foco do objeto cognoscível. Assim surgirá a criticidade e, com ela, a “curiosidade epistemológica”. Para ambas, as curiosidades a sede do saber são as mesmas o que ficará claro para toda essa envoltura é que a produção de um conhecimento motivado pela crítica. A visualização dessas “curiosidades” nos permite enxergar que a própria educação é a...
tracking img