ferida

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 74 (18331 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de outubro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
PELE E ANEXO,
FERIDAS.




Trabalho apresentado à disciplina de Saúde do adulto do prof. Oziel José Bissaro, para obtenção parcial de nota relativa II unidade, do curso técnico de enfermagem, do CETEPES.














Teixeira de Freitas – BA
2013
Sumário





1 Introdução


A pele ou tegumento e uma membrana de dupla camada querecobre toda a superfície corporal e está em continuidade com as membranas mucosas que recobrem os orifícios do corpo humano. Apresenta grande variação de espessura em toda a sua extensão, indo de 1 a 4mm conforme as exigências de suas funções biológicas, dentre elas, a de manter a integridade corporal protegendo o corpo contra injúrias, absorver e excretar líquidos, regular a temperaturacorporal, absorver raios ultravioletas, metabolizar a vitamina D, prover estímulos sensoriais e funções cosméticas. A pele pode ser dividida em duas partes, a camada mais externa sendo representada pela epiderme e a mais interna pela derme que repousa sobre o tecido celular subcutâneo.

A principal diferença entre a pele e os demais sistemas epiteliais é o fato de a pele estar exposta a um ambienteexterno extremamente agressivo, enquanto os demais sistemas epiteliais estão protegidos, por exemplo, da radiação solar e das intempéries. Dessa forma, a pele pode ser encarada como uma fronteira mediadora entre o organismo e o ambiente.

Como funções estéticas e sensoriais consideramos a aparência, o toque, a maciez, a exalação de odores, a coloração e a sensibilidade da pele, que serãoresponsáveis pela atração física e social do individuo. Pode-se considerar, portanto, que a saúde psicossocial do individuo é dependente de sua aparência externa e da aceitação instintiva das características de sua pele pelos demais componentes de seu grupo social.

A pele representa uma barreira consideravelmente eficaz contra as infecções bacterianas. Apesar de viverem sobre a pele muitas bactérias,normalmente são incapazes de provocar uma infecção. As infecções bacterianas da pele podem afetar uma só zona e ter o aspecto de uma borbulha ou então propagar-se em algumas horas e afetar uma área muito mais extensa. As infecções cutâneas podem apresentar um grau de gravidade variável, desde uma acne sem importância até uma doença potencialmente mortal, como a síndroma da pele escaldada provocadapor estafilococos.
A maioria delas é causada por bactérias. Existem muitas outras infecções cutâneas, incluindo as causadas por fungos, parasitas, vírus e outras bactérias. As infecções da pele incluem a Hanseníase, Sífilis, Paracoccidioidomicose, Cromoblastomicose, Leishmaniose, tuberculose cutânea, Herpes zoster, Varicela, Verrugas, Condiloma acuminado, Molusco contagioso, Papulose bowenóide,AIDS.

A semiologia dermatológica é etapa fundamental no processo de aprendizagem de, praticamente, todas as doenças que podem afetar a pele. Ainda por cima, várias condições patológicas, de outros sistemas, também podem manifestar sintomas cutâneos, tais como, doenças hepáticas, neurológicas, neoplásicas.

Devem ser investigados os seguintes elementos: Coloração, Integridade (ou continuidade),Umidade, Textura, Espessura, Temperatura, Elasticidade, Mobilidade, Turgor, Sensibilidade Lesões elementares.

Ferida: Quando ocorre à descontinuidade do tecido epitelial, das mucosos onde órgãos, as funções básicas de proteção da pele são comprometidas. A ferida resultante dessa continuidade pode ser causada por fatores extrínsecos, como incisão cirúrgica, trauma, e por fatores intrínsecos,como as produzidas por infecção.

As feridas podem ser classificadas de várias maneiras: pelo tipo do agente causal, de acordo com o grau de contaminação, pelo tempo de traumatismo pela profundidade das lesões, sendo que as duas primeiras são as mais utilizadas. Etiologia da ferida: Genericamente, podemos classificar as feridas como: Cirúrgicas Traumáticas, Patológicas, Iatrogênicas.

A...
tracking img