Fatores que impulsionam ou causam as migrações internacionais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1044 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
O presente estudo se insere na compreensão das migrações internacionais contemporâneas crescentes a partir dos anos 80, contextualizadas a partir dos processos de reconstrução produtiva, que significou a configuração de novas formas de circulação do capital e da população e, também, no contexto do fenômeno da globalização em suas diferenciadas matrizes e prolongamentos. Entende-se, assim, oaumento crescente dos fluxos migratórios inter-estatais como um produto direto da globalização, ou seja, os deslocamentos humanos foram potencializados e fomentados pelo advento das novas técnicas de comunicação e transporte que podem ser entendidos como elementos facilitadores da circulação informações e pessoas.
A mobilidade humana, em termos de números de pessoas que atravessam fronteiras, nuncafoi tão grande quanto nos dias de hoje, a cada minuto pelo menos dez pessoas estão cruzando fronteiras ao redor do mundo, não incluindo os migrantes ilegais. Segundo dados das Nações Unidas (ONU), o número de países onde o número de migrantes excede 10 por cento do total da população saltou de 43 em 1960 para 70 em 2001. Conforme o mencionado, para falar em migrações contemporâneas é importante terem vista a forma como a globalização transforma os deslocamentos de pessoas. Verifica-se atualmente que o horizonte do migrante é muito mais amplo, ele não se restringe mais a uma localidade próxima, ao contrário seu horizonte agora não tem mais fronteiras, pois ele vive em um mundo onde os parâmetros mudam constantemente e informações circulam livremente, estimulando consumos, gerando sonhos ecriando expectativas de uma vida melhor.
De acordo com Zigmund Bauman, em tempos de globalização, as pessoas são “arrastadas” à condição de turistas ou de migrantes porque a mobilidade deixou de ser um fenômeno à parte e estendeu suas malhas e estruturas para todo o tecido social. Mas, não se deve esquecer que os deslocamentos contínuos existiram em outros momentos históricos, mas somente nasociedade da informação é que estes fenômenos foram potencializados e assumiram um papel central na vida social. Assim, em tempos globalizados a mobilidade chega ao mais alto nível dentre os “bens” mais “desejados”. Entende ainda que a liberdade de movimentos é uma mercadoria escassa e distribuída de forma desigual e inclusive pode ser entendida como um dos elementos de estratificação dos dias atuais.No entanto, o que temos evidenciado em nossos dias é que o projeto da globalização tem se mostrado incompleto e inacabado. De acordo com Saskia Sassen, o campo das migrações assume extrema importância, pois testa cotidianamente a nova ordem global, demonstrando assim a sua imensa contradição. Enquanto esta autora aponta para o fim do Estado-nação e da soberania nacional, os governos aprovampolíticas migratórias implacáveis, constroem muros nas fronteiras que, por conseguinte, acabam produzindo maior desigualdade social, por outro lado, adotam práticas liberais, cada vez mais flexíveis para a circulação de bens e capital. Entretanto, essas regras não se aplicam à migração internacional: “enquanto o capital financeiro e o comércio fluem livremente, a mão de obra se move a conta-gotas”.Além disso, acontecimentos como os atentados terroristas de 11 de setembro, conflitos no Oriente Médio, as tensões entre as comunidades de imigrante mulçumanos na Europa e as manifestações xenofóbicas recentes nos levam a reavaliar as relações entre migrações e a intensificação, nos dias de hoje, de novas formas de nacionalismos, preconceitos e xenofobia. Nesse sentido, as migrações internacionaistornaram-se um tema extremamente relevante tanto para agenda política internacional, quanto para acadêmicos das mais diversas áreas de conhecimento.
Desde o início do século XX, os cientistas sociais se mostram preocupados com a problemática da migração e de suas implicações. No entanto, estes primeiros estudos estiveram sempre marcados por uma análise estritamente econômica, geralmente sob a...
tracking img