Farmacias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2843 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Fundação Educacional Serra dos Órgãos – FESO
Centro de Ciência e Saúde – CCS
Curso: Farmácia
Orientador: Hebert Sisenando
Acadêmica: Rafaela Peroni Matrícula: 01010916

Portfólio










Teresópolis
2012/1










Tuberculose













Sumário:
1- Bioquímica________________________________________ 4
2- Farmacognosia _____________________________________ 5
3- Farmacologia ______________________________________ 6
4- Farmacotécnica ____________________________________ 7
5- Patologia _________________________________________ 8
6- Química Orgânica __________________________________ 9






Remédio pra quê?Você é o farmacêutico responsável pelo serviço de assistência farmacêutica, no setor de Farmácia Clínica, de um hospital público. Numa segunda-feira deste mês, Maria do Carmo, de 38 anos, procurou atendimento neste setor e estava acompanhada de sua vizinha, Srª. Ângela. Eram 11h da manhã quando chegaram. Esperaram na sala de espera por 15 minutos e enquanto esperavam, Ângelacomentou:
- Hoje o calor está de matar! Só você mesmo pra fazer eu sair de casa neste calor.
Maria do Carmo então respondeu: - Nossa, pára de reclamar! Preciso falar com o farmacêutico, tenho me sentido mal com estes remédios. Vi na televisão que eu não preciso tomar todos esses medicamentos.
Ângela então continuou: - Eu te avisei, esses remédios fazem mais mal do que bem. Páracom tudo e toma só o chá que te falei. Chá de folha de figo é que é bom pra isso e ainda por cima não tem química, é natural.
Maria do Carmo, mesmo com os conselhos da “amiga”, não desistiu da entrevista com você.
Eram 11:15h quando você as chamou para o atendimento. Quando as duas senhoras já estavam acomodadas, você começou a questionar:
- Como posso ajudá-las?
EntãoMaria do Carmo começou a relatar seus problemas.
- Dr., quero parar de tomar estes medicamentos, eles me fazem muito mal. Tenho tido náuseas e vômito. E além do mais, já me sinto bem.
-O médico disse que tenho aquela doença, sabe? Tuberculose. E me receitou 3 remédios diferentes, por 6 meses. Já não estou tossindo e não tenho mais febre e minha amiga, aqui, a Ângela, medisse que chá de folha de figo é muito melhor que esses remédios. E se caso a febre volte tenho um emplastro de batata, que melhora rapidinho. Esses remédios são naturais, não vou ficar doente por causa deles.
BIOQUÍMICA – COMO AGE A BACTÉRIA DA TUBERCULOSE NO CORPO HUMANO
A tuberculose é uma doença infecciosa causada por uma bactéria chamada de Mycobacterium tuberculosis, também conhecida comobacilo de Koch, em homenagem a Robert Koch, médico alemão que identificou a bactéria. A doença é muito famosa pelo seu acometimento pulmonar (tuberculose pulmonar), mas poucos sabem que vários outros órgãos do corpo também podem ser infectados pela tuberculose, como pele, rins, linfonodos, ossos, cérebro, etc.

Nem todo mundo vai desenvolver a tuberculose ativa e alguns permanecerão com a bactériaadormecida no organismo, tendo tido ou não sintomas de tuberculose pulmonar. A bactéria pode ficar alojada durante anos em qualquer parte do corpo apenas à espera de uma queda no sistema imune para voltar a multiplicar-se.

Em busca de um combate eficiente à M. tuberculosis, o autor sênior William R. Jacobs Jr. e seus colegas focaram, primeiramente, em uma enzima chamada GlgE. Estudosanteriores haviam sugerido que essa enzima era essencial para o crescimento da bactéria da tuberculose. GlgE também seria alvo do tratamento, porque não há enzimas semelhantes a ela em humanos ou em bactérias do intestino humano.
A pesquisa com GlgE, feita em colaboração com Stephen Bornemann no John Innes Centre, revelou um caminho enzimático até então desconhecido, através do qual as bactérias da...
tracking img