Exercicios eletricidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2479 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
4.15 - Um carro tem uma lâmpada de painel de 1,5 Ω e 3 V e uma lâmpada de ré de 1,5 Ω e 3 V ligadas em série com bateria que libera 2 A . Calcule a tensão da bateria e a resistência total do circuito.

Re = 1,5+1,5
Re = 3 Ω

V = Re . I
V = 3 . 2
V = 6 V

4.19 – Calcule todos os valores de corrente, de tensão e de resistência que estão faltando num circuito regulador de alta tensão numreceptor de TV em cores. A queda de tensão em cada resistor é usada para fornecer tensão para outras partes do receptor.

R1 = 10 M Ω R2 = 1,5 M Ω R3 = ?
I1 = 0,07 mA I2= ? I3 = ?
V1 = ? V2 = ? V3 = 35 V

V1 = R1 x I1 V2 = R2 x I2 R3= V3 / I3
V1 = 10.000.000 x 0,00007 V2 = 1.500.000 x 0,00007 R3 = 35 / 0,00007
V1 = 700 V V2 = 105 V R3= 500.000 Ω

Re =10.000.000 + 1.500.000 + 500.000
Re = 12.000.000 Ω

Por ser um Circuito em série a corrente é igual em todo o circuito.
It = 0,07 mA

Vt = It . Re
Vt = 0,00007 . 12.000.000
Vt = 840
4.21 – Uma corrente de 3 mA percorre um resistor que está conectado a uma pilha seca de 1,5 V. Se acrescentarmos três pilhas de 1,5 V em série com a primeira, calcule a corrente no resistor.
I = 0,003 Vt= 1,5 + 1,5 + 1,5 +1,5
Vt = 6

R = V / I I = V / R
R = 1,5 / 0,003 I = 6 / 500
R = 500 Ω I = 0,012 A

4.22 - Um divisor de tensão é formado por uma associação de resistores de 3.000 Ω, 5.000 Ω e de 10.000 Ω em série. A corrente nesse circuito série é de 15 mA. Calcule:
a) a queda de tensão em cada resistência;
V1 = R1 x I1 V2 = R2 x I2 V3 = R3 x I3
V1 = 3.000 x0,015 V2 = 5.000 x 0,015 V3 = 10.000 x 0,015
V1 = 45 V V2 = 75 V V3 = 150 V

b) a tensão total;
Vt = Rt x It Vt = V1 + V2 + V3
Vt = 18.000 x 0,015 ou Vt = 45 + 75 + 150
Vt = 270 V Vt = 270 V

c) a resistência total.
Rt = R1 + R2 + R3
Rt = 3.000 + 5.000 + 10.000
Rt = 18.000 Ω

4.25 – Calcule os valores de corrente, tensão e resistência que faltam no circuitomostrando na figura:

R1 = ? R2 = ? R3 = ?
I1 = ? I2= ? I3 = ?
V1 =20 V V2 = 60 V V3 = ?

I = V / R
I = 110 / 165
I = 0,667 A

R1= V1 / I1 R2= V2 / I2
R1 = 20 / 0,667 R2 = 60 / 0,667
R1= 30 Ω R2= 90 Ω

R3 = Rt - (R1 + R2) V3 = R3 x I3
R3 = 165 - (30 + 90) V3 45 x 0,667
R3 = 165 – 120 V3 = 30 V
R3 = 45 Ω

4.28 – Uma bobina é enroladacom 4.000 aspiras de fio de cobre nº 20. Se o comprimento médio de fio em uma espira é de 7,6 cm, qual é o valor da resistência total da bobina? Qual será a sua resistência se for usado o fio nº 25? (A temperatura é de 25ºC.)
R = ? P = 34,1 L = 0,076 A = 1022

Cobre nº 20 Cobre nº 25
R=PLA R=PLA
R=34,10,0761022 . 4000 R=34,10,076320,4 . 4000
R=10,1432 Ω R=32,356Ω

A temperatura de 25ºC A temperatura de 25ºC
R=10,1432+ 10,1432(0,02) R=32,356 + 32,356 (0,02)
R=10,1432 Ω R=33 Ω

5.13 – Complete o mais corretamente possível, com uma ou mais palavras, as seguintes afirmações:
a) Há somente um valor de tensão em todos os componentes em paralelo.
b) Se um circuito paralelo estiver aberto na linha principal, a corrente será zero emtodos os ramos.
c) Para qualquer número de condutância em paralelo, seus valores são somados para se obter GT .
d) Quando It se dividir em correntes de ramos, a corrente em cada ramo é inversamente proporcional a resistência do ramo.
e) A soma do valor individual da potência dissipada em cada resistência em paralelo é igual à potência total produzida pela fonte.

5.17 – Calcule acorrente desconhecida, de ramo ou total, conforme está indicado na figura:
a)

It = I1 + I2
It = 1 + 2
It = 3 A

b)

I3 = It - (I1 + I2)
I3 = 6,5 - (1,5 + 3)
I3 = 6,5 – 4,5
I3 = 2 A

5.26 - A bobina de ignição e o motor de partida de um carro estão ligados em paralelo através de uma bateria de 12 V por meio de uma chave de ignição. Calcule:

a) a corrente total...
tracking img