Estudo do diagrama de fases do sistema biodiesel etilico de canola - etanol - glicerol

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1247 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
ESTUDO DO diagrama de fases Do SISTEMA BIODIESEL ETÍLICO DE CANOLA-álcool-glicerol
REGIONAL DOS ESTUDANTES DE ENGENHARIA QUÍMICA

1 Carla V. L. Chaves, 2Sérgio R. Barbedo, 1Amanda S. Peiter, 1Juliana C. Nunes, 3 João I. Soletti, 3 Sandra H. V. Carvalho.

1 Universidade Federal de Alagoas, discente do curso de Engenharia Química
2 Universidade de Aveiro, Portugal, discente do curso deEngenharia Química
3 Universidade Federal de Alagoas, docente do curso de Engenharia Química

1,3 Faculdade de Engenharia Química da Universidade Federal de Alagoas. Av. Lourival Melo Mota, s/n, Bloco CTEC, Tabuleiro dos Martins, Campus A. C. Simões
Maceió-AL – CEP: 57072-970)
2 Faculdade de Engenharia Química da Universidade de Aveiro. Portugal

1e-mail: karlinha_pe@hotmail.com3e-mail: bbbb@xxx.br

RESUMO – A procura por combustíveis renováveis, assim como a crescente preocupação com o meio ambiente, favoreceu o surgimento do biodiesel, principalmente pelo fato deste ser produzido através de óleos vegetais ou de gorduras animais, por ter sua produção mais barata e por emitir uma quantidade bem menor de poluentes, quando comparado ao petróleo e seus derivados. Estetrabalho tem por objetivo determinar e estudar o diagrama de fases para o equilíbrio líquido-líquido (ELL) do sistema reacional de biodiesel etílico de canola nas temperaturas de 30º, 45º e 60ºC. A construção do diagrama foi feita a partir de dados experimentais obtidos através da titulação, com glicerol, de algumas misturas de biodiesel e álcool em proporções e condições pré-estabelecidas. A análisedessas curvas permite identificar as composições que apresentam formação de fase. O óleo de canola foi escolhido por ser um óleo ainda pouco estudado.

Palavras-Chave: BIODIESEL, CANOLA, DIAGRAMA TERNÁRIO.

1. INTRODUÇÃO
(um espaço)
O biodiesel está sendo usado como alternativa em relação ao petróleo e seus derivados, já que sua produção é mais barata e a emissão de poluentes inferior, alémde ser um combustível renovável. Ele surge como uma alternativa energética que pode vir a substituir os combustíveis fósseis, mesmo que parcialmente. O limite ao uso do petróleo não vai se dar pelo esgotamento da fonte, mas pela redução da capacidade ambiental do planeta de absorver os gases oriundos da sua combustão.
Existe no Brasil uma vasta diversidade de matérias-primas para produção debiodiesel, entretanto, é necessário ter a responsabilidade de analisar adequadamente os parâmetros, tais como: custos totais envolvidos na produção; as possibilidades de geração de emprego; as disponibilidades de área e mão-de-obra adequadas, entre outros fatores que devem ser analisados para a escolha da oleaginosa a ser utilizada e qual o melhor processo, dentre os disponíveis, que seria maisadequado.
O biodiesel em estudo é produzido a partir do óleo de Canola. A Canola cultivada no Brasil (Pará e Rio Grande do Sul) é uma seleção geneticamente modificada da colza (Brassica napus L. var. oleífera). É uma crucífera que possui de 40 a 46% de óleo no grão, e de 34 a 38% de proteína no farelo. Além do alto teor, o óleo de canola é rico em triglicerídeos, e difere de outros óleos comerciaispela sua diferente composição em ácidos graxos, sendo que os que estão em maior proporção são o ácido oléico, ácido linoléico, e linolênico.
A produção do biodiesel foi feita a partir do processo de transesterificação, que consiste basicamente em reagir óleo de canola com etanol sob condições de temperatura pré-estabelecidas na presença de um catalisador, sendo comumente utilizado o NaOH, estareação transforma os triglicerídeos em uma mistura de mono-ésteres de ácidos graxos, comumente conhecido como biodiesel. A figura 01 mostra a representação esquemática da reação de transesterificação.

[pic]
Após a reação e purificação do biodiesel formado é então possível estudar a influência que as suas propriedades têm ao nível dos processos de separação.

2. METODOLOGIA

PRODUÇÃO DO...
tracking img