Estudo de caso: cvrd

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (583 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Estudo de Caso: Roger Agnelli e a CVRD
Quanto a privatização da CVRD consideramos como argumentos utilizados a favor desta descentralização a sua má administração enquanto empresa estatal poisdesenvolvia um processo de gestão extremamente burocrático, tomada de decisão centralizada nas mãos dos administradores do alto nível estratégico, os interesses políticos dentro da empresa também afetaramo recinto e as decisões que eram tomadas pela CVRD. Podemos considerar como argumentos contra a descentralização o fato de a empresa ter sido vendida a um preço abaixo do seu valor real, o governopoderia ter investido mais na empresa, administrá-la melhor, em pouco tempo o lucro seria muito maior que o da venda.
Roger Agnelli evidenciou as seguintes habilidades gerenciais como administrador doBradesco e da CVRD, um perfil de negociação agressivo; maneira diferenciada para se comunicar interna e externamente; falar o Inglês fluente; preservação de sua rede de relacionamentos interpessoais,proximidade pessoas poderosas; facilidade em trabalhar com pessoas, com capacidade para influenciá-las; possuir perfil de líder, qualidade e experiência; ter espírito Empreendedor; uma alta visãode longo prazo, transparência, conduta e atitude; agilidade na tomada de decisões, garantindo respostas rápidas às oportunidades ou problemas; ser totalmente aplicado no trabalho que faz.
Todas essashabilidades gerenciais mencionadas tornaram-se mais ou menos significativa a partir do momento que ele se tornou um símbolo de dedicação ao trabalho e de prestigio conquistado, diante funcionários,clientes e pela sociedade.
Os principais problemas que Roger Agnelli encontrou depois da privatização da CVRD foram as grandes discordâncias entre Steinbruch da CSN, e outros administradores daCVRD referente ao rumo estratégico do negócio. Necessitava-se de uma solução rápida para os impasses entre os sócios da organização, para não correr o risco de perder negócios. Agnelli acreditava que a...
tracking img