Estrongiloidiase

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2376 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ANEMIA HEMOLÍTICA

A anemia hemolítica, também denominada anemia aplástica, doença da hemoglobina S-C ou doença da hemoglobina S-B –talassemia, é uma enfermidade provocada pela redução dos glóbulos vermelhos que transitam pela corrente sanguínea. Esta destruição das hemácias pode ser produzida no interior dos vasos pelos quais circulam – hemólise intravascular – ou em outra parte do organismo– hemólise extravascular.
Este rompimento dos glóbulos pode ocorrer de uma forma menos drástica, até mesmo sem causar maiores problemas ao paciente, ou pode se dar de tal maneira que leva o indivíduo à morte. Esta anemia pode ser classificada de acordo com a sua procedência, ou seja, se ela é contraída por fatores externos ou se é inata.
A doença apenas se expressa no organismo quando a medulaóssea não puder, por alguma razão, elaborar uma quantidade suficiente de hemácias que supra o número dos glóbulos eliminados precocemente. Do contrário, mesmo com a quebra destes eritrócitos, a anemia não será instaurada no corpo atingido.
A ruptura das hemácias pode ser desencadeada pela ocorrência de processos infecciosos, por meio de determinados remédios, graças a problemas auto-imunes e a outros denatureza hereditária. A terapêutica adotada para combater esta enfermidade será escolhida de acordo com o agente que estiver provocando a eclosão deste distúrbio e conforme o tipo de hemólise ocorrida.
A anemia congênita se expressa quando há problemas nas hemácias, nas suas películas exteriores ou no seu conteúdo; no caso de hemoglobinopatias, ou seja, doenças que nascem de defeitosnas hemoglobinas, proteínascontidas nas hemácias; e quando ocorre uma carência de enzimas.
A adquirida é provocada pela incidência de anticorpos, como ocorre nas doenças auto-imunes; por uma resposta negativa ao mecanismo de transfusão de sangue; ou em decorrência de um fracionamento automatizado das hemácias. A anemia hemolítica não é tão comum; pode-se afirmar que, entre 100 mil pessoas, 4 serão afetadas.Outra espécie de anemia hemolítica é a auto-imune, que incide mais sobre as mulheres do que entre os homens. Ela é desencadeada pela fabricação orgânica de anticorpos que se voltam contra as hemácias, eliminando-as. Esta enfermidade se desenvolve velozmente e, na maior parte das vezes, não é possível descobrir quais os agentes que a provocam.
Há duas espécies de anemias desta natureza, asimpulsionadas por graus inferiores de calor, conhecidas como anemia hemolítica de anticorpos reativos ao frio e anemia hemolítica de anticorpos reativos ao calor, quando são estimuladas por temperaturas superiores. Elas são detectadas através de hemogramas, os quais flagram os anticorpos destrutivos.
Esta anemia auto-imune pode ser eliminada com uma intervenção cirúrgica no baço, a prescriçãode substânciascorticosteróides ou através de medicamentos imunossupressores  como a ciclosporina e a ciclofosfamida.

FONTE: http://www.infoescola.com/doencas/anemia-hemolitica/
http://www.tuasaude.com/anemia-hemolitica/

A anemia aplástica é uma falência do processo de hematopoiese, potencialmente fatal, caracterizada por uma deplecção nas reservas medulares acompanhada de anemia grave, neutropenia etrombocitopenia. É uma anemia normocrómica, normocítica. Esta patologia foi descrita pela primeira vez por Ehrlich no final do século XIX,numa mulher jovem que morreu abruptamente com anemia grave, hemorragias, aumento brusco da temperatura e deficiência em células na medula óssea.
É uma doença que quando não tratada tem uma taxa média de sobrevivência inferior a dez meses devido a infecçõese hemorragias. A anemia aplastica pode ser congénita (20%) ou de causas adquiridas (80%).
É uma doença rara apresentando uma incidência de aproximadamente dois casos por 1 x 106 anualmente na Europa.
Na Ásia é 3 vezes mais frequente com uma incidência anual de 5 a 7 por 1 x 106.
Uma possível causa deste número aumentado de anemia na Ásia é a maior utilização de cloranfenicol, tanto a nível...
tracking img