estado palestino

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (271 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de outubro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
A Criação do Estado Palestino
Palestina é o nome utilizado para designar uma região abandonada ao descaso desde o século II D.C. sendo palco de conquistas durante os últimostrês mil anos. Diversas civilizações e impérios a conquistaram, em especial Jerusalém. O território atualmente reivindica a criação do Estado Palestino, além da reincorporaçãode terras ocupadas por Israel.
Hoje, apesar de ser reconhecida como estado observador da ONU, status simbólico, vem tendo dificuldades para a conquista de um estado com ummínimo de autonomia e independência, enfrentando assim vários problemas econômicos e sociais. O setor mais expressivo da economia palestina é o da produção de alimentos, mas suaeconomia é muito dependente de ajuda financeira externa. O comércio palestino é muito prejudicado pelo rígido controle. Os constantes conflitos envolvendo árabes e israelenses temprovocado grandes fluxos migratórios de palestinos para o Líbano, Síria, Egito e Jordânia, fato que enfraqueceu a luta pela formação do Estado Palestino.
A OLP (Organização paraLibertação da Palestina) vem lutando pela autonomia política e territorial dessa grande nação.  A caminhada em busca de um estado edificado com todos os seus direitos é longa. APalestina não sabe qual é seu território, não pode ter o seu exército, a sua moeda, não arrecada impostos diretamente, não existe no mapa. No máximo, é visto dentro do mapa deIsrael uma pequena área chamada de “territórios palestinos ocupados”.
A maior dificuldade vem sendo a ocupação israelense, vindo a causar sérios problemas na economia daPalestina, principalmente com a construção de assentamentos, os embargos econômicos e as restrições à circulação de pessoas estão impedindo que a região se desenvolva economicamente.
tracking img