Especies arboreas pioneiras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1548 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
spécies pioneiras Espécies arbóreas pioneiras nativas para recuperação de matas ciliares do corrégo Mateus – Araçuaí – Minas Gerais. Sandro Marcelo de CAIRES1. Introdução A corrida do ouro no século XVII foi a principal causa da origem e do povoamento da bacia do rio Jequitinhonha (IBGE, 1997). A descoberta de ouro e diamantes na região no início do século XVIII imprimiu uma maior dinâmica namodorrenta expansão que caracterizava a área da pecuária (Brasil, 2005a). Já em 1817, Saint-Hilaire observava os efeitos desastrosos desse tipo de exploração. Por volta dos 100 anos de ocupação, Leopoldo Pereira lastimava a redução das matas virgens há um décimo do que eram 50 anos antes, salientando que o mato arrasava-se ao fogo das queimadas, principalmente nas caatingas, onde a folhagem caída naseca alimentava a destruidora labareda (Brasil, 2005a). Em meados do século XIX, com o declínio da mineração, a bacia teve seu desenvolvimento voltado para a estrutura fundiária baseada nas lavouras de subsistência e pecuária extensiva (IBGE, 1997). Em 2005, com a atualização da região semi-árida do Brasil, com a consideração de outros critérios técnicos, complementares ao das precipitações médiasanuais inferiores a 800 mm, tais como o índice de aridez e o déficit hídrico (Brasil, 2005b), o município de Araçuaí foi incluído na região semi-árida. Isto ocorreu em razão do período de 1970 – 1990 na qual se observou a frequencia de 60 a 70 % dos dias com déficit hídrico no município. De acordo com a Convenção das Nações Unidas para o Combate à Desertificação – UNCCD, a desertificação é adegradação do solo em áreas áridas, semi-áridas e subúmidas secas, resultante de diversos fatores, inclusive de variações climáticas e das atividades humanas, em um grau de intensidade que resulte na impossibilidade de seu uso para fins econômicos e sociais. No estado de Minas Gerais, as Áreas Susceptíveis à Desertificação (ASDs) representam uma área de 177 mil km², ou seja, 30,3 % da área do estado.Em outros termos, de um total de 853 municípios, 142 estão em ASDs, o que equivale a 16,65 % dos municípios do estado localizados geograficamente na região do Norte de Minas, Mucuri e Vale do Jequitinhonha. Dentre estes, encontra-se incluído o município de Araçuaí (CMATPS, 2010). De acordo com Radam Brasil (1987), a distribuição regional da vegetação do município pertence a uma área de tensãoecológica relacionada ao contato da Floresta Estacional Decidual, Cerrado e Caatinga, onde a quase totalidade da área encontra-se destituída de sua vegetação original e bastante descaracterizada em seus poucos remanescentes. O motivo da degradação é decorrente do desmatamento e do uso do fogo, principalmente para a prática das atividades agropastoris (Radam Brasil, 1987; Pereira et al., 2003). Oprocesso de ocupação e abertura de novas fronteiras agrícolas no município de Araçuaí, hoje com 140 anos de emancipação política, remontam antes das legislações
1
1

Instituto Federal do Norte de Minas Gerais – Campus Araçuaí – sandrodecaires@yahoo.com.br

ambientais, tais como o Código Florestal de 1965, onde a vegetação nativa foi suprimida sem critérios em relação as áreas de Reserva Legal eAPPs. Neste contexto, é considerável a quantidade de propriedades rurais do município que possuem passivos ambientais e necessitam de adequações diante da legislação vigente. Assim, o objetivo desse trabalho foi identificar espécies arbóreas pioneiras com potencial de uso na recuperação de matas ciliares através do estudo de fragmentos remanescentes e ressurgentes naturais do ambiente ciliar docórrego Mateus – Araçuaí – MG. Material e métodos O tipo climático predominante da região é o Bsw (continental-seco) com precipitação média anual inferior a 1.000 mm e média das temperaturas máximas em torno de 34 ºC. Os meses secos são de março a novembro e a precipitação máxima ocorre no verão (Oliveira et al., 2002). A temperatura média é de 25,8 ºC com índice pluviométrico médio de 817 mm. Os...
tracking img