Empreendedorismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2379 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
EMPREENDEDORISMO TRANSFORMANDO IDÉIAS EM NEGÓCIOS.AUTOR: JOSÉ CARLOS ASSIS DORNELASEDITORA CAMPUS 2ª EDIÇÃO.
1
INTRODUÇÃO
O
empreendedor é aquele que faz as coisas acontecerem, se antecipa aos fatos e tem uma visão futura da organização.J
OSÉ
D
ORNELAS
,

2001
O conceito de empreendedorismo tem sido muito difundido no Brasil, nos últimosanos, intensificando-se no final da décadade 1990. Existem vários fatores quetalvez expliquem esse repentino interesse pelo assunto, já que, principalmente nosEstados Unidos, país onde o capitalismo tem sua principal caracterização, o termo
entrepreneurship
é conhecido e referenciado há muitos anos, não sendo, portanto,algo novo ou desconhecido. No caso brasileiro, a preocupação com a criação depequenas empresas duradouras e anecessidade da diminuição das altas taxas demortalidade desses empreendimentos são, sem dúvida, motivos para apopularidade do termo empreendedorismo, que tem recebido especial atenção porparte do governo e de entidades de classe. Isso porque nos últimos anos, apósvárias tentativas de estabilização da economia e da imposição advinda dofenómeno da globalização, muitas grandes empresas brasileiras tiveram deprocuraralternativas para aumentar a competitividade, reduzir os custos e manter-se nomercado.Uma das consequências imediatas foi o aumento do índice de desemprego,principalmente nas grandes cidades, onde a concentração de empresas é maior.Sem alternativas, os ex-funcionários dessas empresas começaram a criar novosnegócios, às vezes mesmo sem experiência no ramo, utilizando o pouco queainda lhesrestou de economias pessoais, fundo de garantia etc. Quando perce-bem, esses profissionais já estão do outro lado. Agora são patrões e não mais em-pregados. Muitos ficam na economia informal, motivados pela falta de crédito, peloexcesso de impostos e pelas altas taxas de juros. Houve ainda recentementeaqueles motivados pela nova economia, a Internet, que teve seu ápice de criação denegóciospontocom entre os anos de 1999 e 2000. Nessa época, muitos tentaramse tornar os novos jovens milionários, independentes, donos do próprio nariz.Devem ser considerados também os que herdam os negócios dos pais ou parentese que dão continuidade a empresas criadas há décadas.Essa conjunção de fatores somados despertou discussões a respeito do temaempreendedorismo no país, com crescente ênfase parapesquisas relacionadas aoassunto no meio académico, e também com a criação de programas específicosvoltados ao público empreendedor, como foi o caso do programa BrasilEmpreendedor do Governo Federal, instituído em 1999, que teve como metainicial a capacitacão de mais de um milhão de empreendedores brasileiros na ela-boração de planos de negócios, visando à captação de recursos junto aos agentesfinanceirosdo programa. Dados do Sebrae mostram ainda que no período de1990 a 1999 foram constituídas no Brasil 4,9 milhões de empresas, dentre asquais 2,7 milhões são microempresas. Ou seja, mais de
55%
das empresas criadasnesse período são microempresas. Pesquisas realizadas pelo IBGE e citadas nosite do Sebrae
(wtinv.sebrae.com.br)
mostram também que em 2001 o total deempresas formais em atividadeno Brasil era de 4,63 milhões, contemplando ossetores da indústria, comércio e serviços. As microempresas representavam93,9% do total de empresas. O conjunto das micro e pequenas empresas alcan-çava 99,2% do total. Apenas 0,3% das empresas do país é de grande porte (em-pregando mais de 500 pessoas na indústria ou mais de 100 pessoas nos setoresdo comércio e serviços).


EMPREENDEDORISMOTRANSFORMANDO IDÉIAS EM NEGÓCIOS.AUTOR: JOSÉ CARLOS ASSIS DORNELASEDITORA CAMPUS 2ª EDIÇÃO.
2
E oportuno, portanto, um estudo mais profundo a respeito do conceito deempreendedorismo, tendo em vista que a maior parte dos negócios criados nopaís é concebida por pequenos empresários. Esses nem sempre possuem concei-tos de gestão de negócios, atuando geralmente de forma empírica e sem planeja-mento. Isso...
tracking img