Empreendedorismo no brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (271 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
No Brasil, o empreendedorismo começou a ganhar força na década de 1990, durante a abertura da economia. A entrada de produtos importados ajudou a controlar os preços, umacondição importante para o país voltar a crescer, mas trouxe problemas para alguns setores que não conseguiam competir com os importados, como foi o caso dos setores debrinquedos e de confecções. Para ajustar o passo com o resto do mundo, o país começou a mudar. Empresas de todos os tamanhos e setores tiveram que modernizar para podercompetir e voltar a crescer. O governo deu início a uma série de reformas controlando a inflação e ajustando a economia, em poucos anos o país ganhou estabilidade,plnejamento e respeito. A economia voltou a crescer. Só no ano 2000, surgiu um milhão de novos postos de trabalho. Investidores de outros países voltaram a aplicar seu dinheiro noBrasil e as exportações aumentaram. Juntas essas empresas empregam cerca de 40 milhões de trabalhadores.
O Brasil ocupa a terceira posição no ranking mundial em termos departicipação de jovens empreendedores, sendo superado somente pelo Irã e pela Jamaica. O jovem empreendedor por oportunidade diferencia-se por possuir uma renda maior euma escolaridade maior, sendo que 25% estão cursando ou já terminaram o nível superior. Eles têm ua alta concentração em atividades de serviços orientados aos consumidores eatividades de transformação, entretanto, iniciam seus negócios com atividades mais especializadas, em função de seu maior nível de qualificação e renda.
O jovemuniversitário, por exemplo, frente à escassez do trabalho formal, abre seu negócio em serviços especializados, tais como contabilidade, apoio jurídico, apoio de informática, etc.
tracking img