Diversos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1820 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS DE OLINDA-FACHO
DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA
ESPECIALIZAÇÃO EM INTERVENÇÃO PSICOSSOCIAL E JURÍDICA
















MEDIAÇÃO













Andreza Porfírio
Feliciana Aldaíra
Kelen SousaSandra Rosélia


















Olinda-2012

MEDIAÇÃO

O termo mediação tem origem da palavra latim mediatione, do verbo latino mediare, que significa “mediar, dividir ao meio, colocar-se no meio, intervir, repartir em duas partes iguais” (Ferreira, 1999).
No entanto, o processo de mediação não segnificaresolver o problema de forma a encontra uma solução definitiva ou dividi-la em partes iguais. Este processo procura facilitar a comunicação entre os envolvidos na questão com a ajuda de um terceiro que assume o papel de mediador, que procura, durante todo o processo abrir espaço para que cada um mostre a sua posição diante da situação, e que a partir disso possam obter uma nova visão do“problema” ,e procurar reelaborar seu papel diante da situação.
A mediação, segundo Sales (2004) o é um processo muito complexo, o que torna difícil delimitar seus principais objetivos e, além disso, ultrapassa a solução de conflitos, sendo capaz, até mesmo, de preveni-los.
Ainda de acordo com a autora, a prática da mediação possui quatro objetivos principais:
1. A solução de conflitospor meio do diálogo, que visa o acordo satisfatório entre as partes;
2. A prevenção de conflitos, pois além de facilitar a solução destes, o processo de mediação evita uma administração desordenada do problema que poderia levar a consequências negativas (agressões física e verbal, discussões, como brigas, que nada contribuem para a solução do problema);
3. A inclusão social porpossibilitar acesso, reflexão e conhecimento de direitos e deveres dos indivíduos, promovendo assim maior participação dos indivíduos nas questões sociais, independente da classe social. E ainda ensina que as pessoas têm o direito de escolher e decidir cientes de que sua escolha deve ser produtora de bem-estar social para as partes envolvidas;
4. A paz social, por resolver conflitos e assimprevenir a violência, incluindo os indivíduos como cidadãos participantes da política do Estado, fazendo com que seja possível alcançar uma convivência social harmônica.
Outra parte importante do processo é o próprio mediador, que deve apresentar em seu perfil características como: ser neutro ao conteúdo em controvérsia; imparcial diante das partes; ter uma escuta ativa; ética; segurança nacomunicação do processo de mediação; observar os interesses e necessidades das partes; desfazer sentimentos negativos; passar confiança; e credibilidade no seu trabalho.
De acordo com Cruz, Pereira & Souza (2004), no mediador: “As competências são influenciadas por três conjuntos de capacidades humanas: Conhecimento, que seria a parte do saber, informação, ter conhecimento de uma realidade;Habilidade, que seria a parte do saber fazer, a técnica, aplicar o conhecimento na realidade; e a Atitude que aplica ao querer fazer, determinação, exercer a atividade de forma plena”.
Percebemos também a grande importância o trabalho do mediador e da mediação nas relações que necessitam de continuidade, como por exemplo, no âmbito familiar. Como cita Marodin e Breitman (2002) “A intervençãomediadora nos conflitos familiares possibilita que as relações entre seus membros sejam preservadas, evitando-se o esfacelamento dos vínculos”. Porém é nesse mesmo âmbito familiar que aplicando o trabalho interdisciplinar vem enriquecer nas competências do Conhecimento, Habilidade e na Atitude do mediador e muito mais na resolução do conflito em destaque.
E nessa esfera do trabalho...
tracking img