Diversos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1051 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INOVAÇÃO NA CONSTRUÇÃO CIVIL
BRASILEIRA

AÇÕES INOVADORAS
UNIEMP

São Paulo, 31 de março 2005

Eng. Luiz Henrique Ceotto
lhceotto@inpar.com.br

BREVE HISTÓRIA DA
EVOLUÇÃO TECNOLGIA
DA CONSTRUÇÃO DE
EDIFÍCIOS

EVOLUÇÃO DA TECNOLOGIA DE
CONSTRUÇÃO DE EDIFÍCIOS
• Confunde-se com a evolução da tecnologia
das estruturas e das vedações.
• Durante séculos a função estrutura seconfundia com a função vedação.
• Caracterizou-se por uma evolução muito
lenta com duas “revoluções”.

EVOLUÇÃO DAS TECNOLOGIA
DE CONSTRUÇÃO DE EDIFÍCIOS
Primeira
Revolução
Alvenaria Estrutural
Antiguidade

Época Clássica

Idade média
Anos 500

Idade Moderna

1453 - Tomada de
Constantinopla

Tijolo argamassado

Pedra, “Cantaria”
Uso da
Alvenaria

1789

EVOLUÇÃO DASESTRUTURAS
Segunda
Revolução
ALVENARIA
ESTRUTURAL
Idade Contemporânea

ESTRUTURAS
RETICULADAS
(CONCRETO ARMADO)

1927

1789
Ed. A Noite
(Rio de Janeiro)

ALVENARIA
ESTRUTURAL
“MODERNA”

ALVENARIA ESTRUTURAL
“MODERNA”
• Utilizou o concreto armado para as lajes e reforços estruturais
localizados. Aumentou-se a resistência dos blocos e reduziu-se a
espessura das paredes.
•Lajes de concreto propiciaram melhor contraventamento e maior
facilidade de construção.
• De 1927 a 1970 se desaprendeu a construir em alvenaria estrutural.
Praticamente só se construía no interior ou em sobrados de pequena
altura.
• Evolução: precisão dimensional e resistência dos blocos. Uso de prémoldados em janelas e escadas.
• Vantagens: custos muito competitivos para edifícios até 12pavimentos.
• Limitações: vãos médios a pequenos e poucas possibilidades de
mudança de lay-out. Modelos matemáticos pouco satisfatórios.
• Limites culturais (altura dos edifícios). Aparecimentos de fissuras
com a redução da espessura das paredes.

CONTRAMARCO PRÉ-MOLDADO

CONTRAMARCO PRÉ-MOLDADO

CONTRAMARCO PRÉ-MOLDADO

BATENTE ENVOLVENTE

BATENTE ENVOLVENTE

BATENTE ENVOLVENTE ESTRUTURAS RETICULADAS
• Tornou independente a função estrutural da função
vedação. Modificou completamente a maneira de se
construir, do projeto a execução das obras. Segunda
grande revolução na maneira de se construir.
• Vantagens: possibilidade de grandes vãos e de
edifícios de grandes alturas. Custos competitivos
para edifícios acima de 8 pavimentos. Modelos
matemáticos maissimples do que os de alvenaria
mas com grande precisão.
• Limitações: custos mais elevados para edifícios de
pequenas alturas. As partes horizontais da estrutura
ficaram mais pesadas. Introduziu-se novos
fenômenos como a interação estrutura-alvenaria e a
deformação por fluência.

ESTRUTURAS RETICULADAS
• Nos primeiros anos que se seguiram a 1927 houve grande
mudança nas técnicas, noplanejamento e na organização da
produção dos edifícios.
• Após 10 a 15 anos, esse conhecimento se estabilizou e, do ponto
de vista sistêmico, ficou com evolução lenta até os anos 90.
• Houve alguma evolução nos demais sub-sistemas
(modificação do tipo de material) mas nada comparável a
evolução das estruturas.
• Pode-se dizer que até meados de 1990 se construía da mesma
forma que na década de30.
• Os costumes da população mudaram muito de 1930 aos anos
2000. Isso evidenciou gradativamente a discrepância entre a
evolução da estrutura e a não evolução dos demais subsistemas.
• Aumento progressivo das patologias nos edifícios.

Evolução das características dos
edifícios nas últimas décadas
Anos 70 a 80









Edifícios de 15 a 18
pavimentos.
1 a 2 vagas porapartamento.
Poucas possibilidades de
alterações de arquitetura.
Poucos eletrodutos embutidos
nas paredes.
20 a 24 meses de construção.
Juros de produção baixos.
Baixa demanda por questões
ambientais.
Tolerância com produtos
artesanais.

Anos 90 e até hoje











Edifícios de 25 a 35 pavimentos.
3 a 4 vagas por apartamento.
Grande flexibilidade de lay-out....
tracking img