direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1749 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de junho de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
1.A) Bens móveis:
Os bens suscetíveis de movimento próprio, ou de remoção por força alheia,
sem alteração da substância ou da destinação econômico-social.

Exemplo: uma cadeira, carro.


Bens imóveis:

Os bens imóveis são, em regra, os bens que não podem ser transportados
ou removidos de um lugar para o outro sem perder a sua característica, inte-
gridade oudiminuir-lhe o valor.

Exemplos:casas , apartamentos.

B) Bens fungíveis
Os que podem ser substituídos por outros da mesma espécie, qualidade quantidade.
Exemplos: cinco ovos, dois metros de tecido, um saco de feijão;  
Bens infungíveis:

São os bens que são “únicos”, não podendo ser substituídos por outro de mesmo gênero, qualidade ou quantidade, mesmo que demaior valor (CC, art. 313).

Exemplos : esta mesa, aquele quadro;

C) Bens consumíveis:
São aqueles cujo único uso acarreta a sua destruição.
Exemplos:gasolina, charutos, alimentos etc.
Bens Inconsumíveis:

São os bens que permitem reiterados usos sem serem destruídos.

Exemplos: casas, veículos, vestuário.

Contudo, se umalimento, que essencialmente é consumível, for emprestado para
finalidade de exposição, será considerado como bem inconsumível.
D) Bens divisíveis:
São os que se podem fracionar sem alteração na sua substância,diminuição considerável de valor, ou prejuízo do uso a que se destinam;
Exemplos: terrenos, alimentos etc.

Bens indivisíveis:

São os que não permitemdivisão sem perderem a sua integridade ou diminuir-lhe efetivamente o valor.

Exemplo: como os diamantes, as joias, relógios etc.


E) Bens singulares:
Os bens que, embora reunidos, se consideram de per si, independentemente dos demais.
Como exemplos temos as casas, os carros, as joias etc.
Bens coletivos:
Também chamados de universais ou bens de universalidades, constituem umapluralidade de bens singulares que, pertinentes à mesma pessoa, tenham destinação unitária (CC, art. 90), dividindo-se em universalidades de fato ou de direito.
Exemplos:biblioteca
2. BENS IMÓVEIS POR DETERMINAÇÃO LEGAL
São direitos reais sobre imóveis (usufruto, uso, habitação, enfiteuse, anticrese, servidão predial), inclusive o penhor agrícola e as ações que o asseguram; apólices da dívidapública oneradas com a cláusula de inaliebilidade, decorrente de doação ou de testamento; o direito à sucessão aberta, ainda que a herança só seja formada de bens móveis.
Imóveis por força de lei (art. 80):
* direitos reais sobre imóveis e ações que os asseguram;
* direito à sucessão aberta.
BENS MÓVEIS POR DETERMINAÇÃO LEGAL
São bens incorpóreos ou imateriais que adquirem a qualidade de bensmóveis por expressa previsão em lei.
Estes bens estão enumerados no art. 83, a saber:
i)    as energias que tenham valor econômico;
ii)   os direitos reais sobre objetos móveis e as ações correspondentes;
iii)   os direitos pessoais de caráter patrimonial e as ações correspondentes (ex.: créditos, direito de autor, etc.).


3.A)Frutos : É uma utilidade renovável que a coisa principal periodicamente produz e cuja percepção não diminui a sua substância.
ex: grãos, frutas, bezerro, juros, aluguel.
Quando a natureza são classificados em:
Naturais: gerados de per si pelo bem principal, sem que haja intervenção humana direta. São resultado do desenvolvimento orgânico vegetal ou animal;
Ex: frutas,leite, cria dos animais, etc.
Industriais: Resultantes da atividade industrial humana (bens manufaturados);
Ex: produção de uma fabrica.

Civis ou Rendimentos: Originados de uma relação jurídica ou econômica.
Ex: juros, aluguel, dividendos.

Quanto ao estado são classificados em:

Pendentes: são aqueles que estão ligados à coisa principal que os produziu.

Percebidos: são os...
tracking img