Didatica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2513 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de fevereiro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
MAPA CONCEITUAL NUMA PERSPECTIVA DIALÉTICA












De acordo com (Pimenta, 2001) ele ressaltar que a Didática como área de estudo da pedagogia, tem como principal objetivo nuclear e direcionar o ensino na perspectiva de desempenhar um papel significativo na formação do educador, não podendo reduzir-se somente ao ensino de técnicas pelas quais se deseja desenvolver um processo deensino-aprendizagem. Mas que envolva o conhecimento sistematizados na sua respectiva abrangência da problematização e compreensão as questões relacionadas a docência articulando os objetivos conteúdos, práxis pedagógicas e etc.



“O professor é responsável pela unidade didática entre ensino e aprendizagem, porque cabe a ele planejar, direcionar e avaliar a ação pedagógica”.
PROF.ARMENIACHAVES























CURSO: LICENCIATURA EM QUÍMICA
DISCIPLINA: DIDÁTICA GERAL





ROTEIRO DIRIGIDO
TEXTO: DIDÁTICA? DIDÁTICA? QUAL DIDÁTICA? UMA CONVERSA SOBRE A NOSSA OPÇÃO TEÓRICA.

Vimos que as propriedades físicas dos compostos são devido às características como:
- Tipo de ligação atômica (covalente apolar, covalente polar ou iônica)
- Tipos deforças envolvidas entre as moléculas (força íon-íon, força dipolo-dipolo, ligações de hidrogênio, forças de Van der Walls)
E de modo geral, podemos dizer que as propriedades físicas dos compostos estão diretamente ligadas a atrações de elementos de cargas opostas (+) com (-). Não somente as propriedades físicas mas também diversas reações químicas só ocorrem devido a polaridade dos compostosorgânicos (grupos funcionais).
As reações químicas podem ser descritas de duas formas, pelo tipo de reação química (substituição, adição, eliminação e rearranjo) e como ela ocorre (mecanismo da reação).

6.1. Tipos de reações
a) Reações de substituição: substituição de um grupo por outro. Característicos de compostos saturados, tais como alcanos e haletos de alquila.


b) Reação de adição:soma de um composto em outro. Característico de compostos com ligações múltiplas.


c) Reação de eliminação: é o oposto da reação de adição. Método de preparo de compostos de dupla e tripla ligação.


d) Reações de rearranjo: A molécula sofre uma reorganização de suas partes substituintes.




6.2. Mecanismos de reação

O mecanismo de reação descreve quais ligações são realizadasou quebradas e em que ordem isso se dá.
Toda reação química envolve a quebra e a formação de ligações entre os átomos. Em química orgânica as principais reações envolvem ligações covalentes.
Uma ligação covalente pode ser quebrada de duas maneiras:
a) de modo simétrico – Ruptura homolítica, em que cada átomo fica com um elétron. Os processos que envolvem quebras e ligações simétricas(homolíticas e homogêneas) produzem fragmentos com elétrons desemparelhados chamados de radicais.
b) De modo assimétrico – Ruptura heterolítica, em que um dos átomos fica com o par de elétrons. A ruptura heterolítica normalmente requer que a ligação esteja polarizada. A polarização de uma ligação geralmente resulta de eletronegatividades diferentes dos átomos unidos pela ligação. Quanto maior aeletronegatividade, maior a polarização.



Da mesma forma a recombinação da quebra (ligação) pode ser:


6.3. Mecanismo de reações radicalares

Essas reações são menos comuns, mas nem por isso menos importantes. Elas agem principalmente em alguns processos industriais e em alguns processos metabólicos. Os radicais formados pela quebra homolítica da ligação, são muito reativos, porque possuemuma deficiência de elétrons na camada de valência e procuram fazer novas ligações químicas para se estabilizar (regra do octeto).
Os radicais se estabilizam realizando principalmente reações de substituição e de adição. Abaixo é apresentado o mecanismo destas reações.

a) reações de substituição via radical: substitui um átomo de uma outra molécula dando origem a um novo radical. Este...
tracking img