Descartes digitais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2044 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
JOINVILLE AGORA TEM DESTINAÇÃO PARA O “LIXO DIGITAL”
Depósito para descartes digitais (DDD):
Agora, os produtos de informática como monitores, mouses, teclados e impressoras de computador que não tem mais utilidade para a população podem ser descartados no Instituto Dual, no bairro Glória, em Joinville/SC. O DDD (Depósito de Descartes Digitais) ficará disponível 24 horas pordia para a entrega de pequenos lotes dos materiais e de segunda a sexta, entre 8h e 18h na rua Brigada Lopes, 153, no Glória, para a entrega de cargas maiores, levadas por caminhões das empresas, por exemplo.
O guichê instalado no instituto lembra as esteiras de bagagem utilizadas nos aeroportos. Os produtos descartados são colocados numa pequena entrada e transportados automaticamente para odepósito de mil metros quadrados. Lá, passam por uma triagem realizada pelos funcionários da instituição. O que ainda puder ser utilizado será encaminhado a escolas, associações e famílias carentes. Os materiais inservíveis serão destinados a reciclagem.
De acordo com Marcos Stolf, presidente do instituto, a ideia de criar o DDD surgiu há mais de um ano para atender a uma necessidade da população epreservar o meio ambiente. “Qualquer tipo de parte dos computadores pode ser levada ao depósito”, informa Stolf.
A implantação do DDD complementa o Programa de Acessibilidade Digital Comunitária, que recolhe e reaproveita máquinas caça-níqueis em Joinville e região. O programa é uma iniciativa do Instituto Dual para conscientizar a população de que esses produtos não podem, de forma alguma, serjogados no meio ambiente devido a presença de materiais pesados que contaminam o lençol freático.
A CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) de Joinville, por meio da CDL Jovem, apoia a reciclagem do lixo eletrônico na região. O Recicla CDL é uma promoção da Federação das CDLs de Santa Catarina.
Serviço – Depósito de Descartes Digitais
O que pode ser levado: CPUs de computadores, monitores, mouses,teclados, impressoras e outros produtos de informática
Onde: Instituto Dual, rua Brigada Lopes, 153, no Glória
Quando: Pequenas quantidades podem ser depositadas diariamente, em qualquer horário. Cargas grandes devem ser entregues de segunda a sexta, entre às oito e às 18 horas

Lixo eletrônico no Brasil
Estimado em 50 milhões de toneladas anuais, este tipo de descarte é o que mais cresceem escala global, com um elemento complicador: a toxicidade.
Seguido do México e da China (0.4 kg/cap•ano), o Brasil (0.5 kg/cap.ano) é o maior produtor per capita de resíduos eletrônicos entre os países emergentes, segundo o mais recente estudo da ONU sobre o tema. O Brasil também foi cotado como campeão em outro quesito: faltam dados e estudos sobre a situação da produção, reaproveitamento ereciclagem de eletrônicos: China, Índia, Argentina, Chile, Colômbia, Marrocos, África do Sul e até mesmo o México realizam e centralizam mais informações sobre a gestão de resíduos eletrônicos em seus países que nós, parafraseando um famoso jornalista, isso é vergonhoso! A falta de uma lei nacional sobre resíduos eletrônicos é vista como um dos principais obstáculos para uma gestão eficiente do lixoeletrônico no país, reforçando nossos argumentos do Manifesto do Lixo Eletrônico. Entre outros aspectos analisados, o extenso estudo procurou identificar os principais problemas e oportunidades na gestão pública e industrial do lixo eletrônico, como o parque industrial de reciclagem, mercado informal, investimentos em inovação e transferência de tecnologia.

Nas conclusões sobre nosso país, oestudo afirma claramente que "... os resíduos eletrônicos não parecem ser uma prioridade para as associações federais representativas da indústria eletrônica...". A corresponte associação brasileira da indústria eletrônica é a ABINEE (Associação Brasileira da Indústria Eletro-Eletrônica) que ainda não divulgou nenhum comunicado sobre a "bronca" documentada que levou no estudo ONU em seu site. O...
tracking img