Densidade real e aparente - fis iii pratica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (483 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO




Densidade Real (Dr) ou Massa Específica Real (S) corresponde ao real volume que determinado sólido ocupa não levando em conta sua porosidade. Considera-se o volume dosolo ocupado efetivamente pelas partículas, sem levar em conta o espaço poroso. Densidade aparente (Dap) ou Massa Específica Aparente (S’) (densidade bruta) corresponde ao volume ocupado por umadeterminada massa de sólido, incluindo a porosidade (poros intragranulares). Ambas são definidas pela fórmula d=m/v onde a densidade geralmente é encontrada em g/cm3 ou kg/m3 onde 1 g/cm3  equivale a103 kg/m3.



OBJETIVO

Calcular a densidade real e a aparente de algumas amostras.



MATERIAIS UTILIZADOS


Proveta

Balança analítica

Béquer

Água

Brita



SojaFeijão

Milho

Areia




METODOLOGIA

1. Passo: Medir a massa da proveta utilizando a balança.

2. Passo: Colocar certa quantidade de amostra na proveta e medir a massa totalutilizando a balança.

3. Passo: Calcular a massa da amostra e verificar na proveta o volume a parente da amostra.

4. Passo: Utilizando a equação d=m/v calcular a densidade da amostra.5. Passo: Colocar certa quantidade de agua em outra proveta e verificar o volume inicial de água.

6. Passo: Despejar a mostra na proveta com a água e verificar o volume real da amostra(Volume deslocado)

7. Passo: Utilizando a equação d=m/v encontrar a densidade real da amostra.

8. Passo: Repetir o procedimento com as outras amostras.

RESULTADOS E ANÁLISESForam seguidos todos os passos, usando 100 ml de água encontramos o volume real e o aparente das amostras. Com eles foi possível calcular a densidade real e aparente das mesmas. Os resultados sãoapresentados na tabela a seguir:




|Amostra |Massa (g) |Volume aparente (ml) |Volume real (ml) |Massa Amostra (g) |
|...
tracking img