Custo de oportunidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1101 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Custos de Oportunidade
Os chamados “custos de oportunidade” constituem potenciais encaixes de dinheiro, os quais deixam de se realizar devido às circunstâncias particulares de uma decisão.

Por exemplo, no caso de um equipamento usado cuja alienação se adia por mais 1 ano, o seu valor venal (de venda no mercado de usados) no estado atual, constitui um custo de oportunidade.

Outro exemplo éconstituído por um equipamento que pára ou cuja cadência normal
de funcionamento diminui, devido à ocorrência de uma falha de qualidade do processo de produção (defeitos, avarias, desafinações, etc.). Estes incidentes podem ter origem no próprio equipamento ou noutros a montante.
Se o equipamento constitui um estrangulamento de produção e o tempo perdido não pode ser recuperado mais tarde,verifica-se um custo de oportunidade correspondente à perda econômica da produção que não foi realizada e, logo, não foi vendida. O custo de oportunidade será calculado pelo produto do nº de unidades não produzidas durante o período da paragem (ou de diminuição da cadência) pela margem de contribuição unitária. Esta margem é calculada pela diferença entre o preço unitário líquido de venda e o custounitário variável.
Se o equipamento constitui um estrangulamento de produção, mas o tempo perdido pode ser recuperado em tempo extraordinário de trabalho ou aumentando a cadência para um regime de menor rendimento, verifica-se um custo de oportunidade o qual é, desta vez, igual ao montante de horas extraordinárias pagas a todo o pessoal que as realizou ou ao incremento do custo variável deprodução, respectivamente.
Exemplo
Um produto é produzido numa linha ao ritmo de 500 unidades/hora e é vendido por 20 R$/unidade. A sua estrutura de custos é a seguinte:
Custo variável:
Matéria-prima: 7 R$/unidade
Transformação (energia, consumíveis, etc.): 2R$/unidade
Custo fixo (mão-de-obra, amortizações, etc.): 5 R$/unidade
Total: 14 R$/unidade
a) Qual o custo de oportunidade de cada hora perdidade produção não recuperável noutra ocasião?
b) Qual o custo de oportunidade de cada hora de produção diferida e recuperada em horas extraordinárias por 6 operadores que custam à empresa 30 R$/hora extra e por operador?
c) Qual o custo de oportunidade de uma unidade de produto quando a empresa se vê obrigada a aumentar a cadência para 600 unidades/hora, correspondente a um regime com umrendimento 15% abaixo do ótimo (ou 15% acima do custo variável mínimo) de
forma a compensar o tempo perdido de uma paragem?
d) Qual o custo de oportunidade de cada hora de funcionamento quando a empresa se vê obrigada a diminuir a cadência para 400 unidades/hora, correspondente a um rendimento 20% abaixo do ótimo (ou 20% acima do custo variável mínimo) e esta produção perdida não é recuperável noutraocasião?
e) Qual o custo de oportunidade de cada hora de funcionamento quando a empresa,impossibilitada de produzir, compra o mesmo produto a um parceiro de indústria por 14
R$/unidade?
f) Nas condições da alínea a), o controlo de qualidade realizado à saída da linha rejeita
uma parte dos produtos. Estas não conformidades totalizam em média 2%. Qual o custo de oportunidade de cada hora defuncionamento?
Resolução
a) A margem de contribuição unitária (perdida) é calculada pela diferença entre o preço de venda líquido e o custo variável: 20 – (7 + 2) = 11 R$/unidade. Esta margem de contribuição (m.c.) pode ser dividida nas duas parcelas seguintes:
m.c. para cobertura dos custos fixos: 5 R$/unidade
m.c. para formação do lucro: 6 R$/unidade
Total: 11 R$/unidade
O custo horário deoportunidade será igual ao produto da margem de contribuição unitária pela produção perdida, ou seja, 11 x 500 = 5.500 R$/hora de paragem.
b) Neste caso, o custo horário de oportunidade será: 6 x 30 = 180 R$/hora de paragem.
c) A empresa não perde a venda mas produz com um custo variável 15% mais elevado. O custo de oportunidade será então apenas 0,15 x (7 + 2) = 1,35 R$/unidade. Ou, de uma forma...
tracking img