Creatinina

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1237 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CREATININA

É produzida como resultado da desidratação não enzimática da creatina muscular. A creatina, por sua vez, é sintetizada no fígado, rim e pâncreas e é transportada para as células musculares e cérebro, onde é fosforilada a creatina-fosfato (substância que atua como reservatório de energia). Tanto a creatina-fosfato como a creatina, em condições fisiológicas, espontaneamente perdem oácido fosfórico ou água, respectivamente, para formar seu anidrido, a creatinina. A creatinina livre não é reutilizada no metabolismo corporal e assim funciona somente como um produto dos resíduos de creatina. A creatinina difunde do músculo para o plasma de onde é removida quase inteiramente e em velocidade relativamente constante por filtração glomerular. Em presença de teores marcadamenteelevados de
creatinina no plasma, parte da mesma é também excretada pelos túbulos renais.

HIPERCREATINEMIA

Qualquer condição que reduz a velocidade de filtração glomerular promove uma menor excreção urinária de creatinina, com o conseqüente aumento na concentração plasmática da mesma. A concentração da creatinina sérica aumenta
quando ocorre a formação ou excreção reduzida de urina e independeda causa ser pré -renal, renal ou pós-renal.Valores aumentados indicam a deterioração da função renal, sendo que o nível sérico gera lmente acompanha, paralelamente, a severidade da
enfermidade. Por conseguinte, níveis dentro de faixa. Os níveis de creatinina muitas vezes não ultrapassam os limites de referência até que 50-70% da função renal esteja comprometida. Por conseguinte, teores dentro dafaixa de referência não implicam necessariamente em função renal normal.

Causas pré-renais. Aumentos significativos são comuns na necrose muscular esquelética ou atrofia, ou seja: traumas, distrofias musculares progressivamente rápidas, poliomelite, esclerose amiotrófica, amiotonia congênita, dermatomiosite, miastenia grave e fome. São ainda encontradas: insuficiência cardíaca congestiva,choque, deple-ção de sais e água associado ao vômito, diarréia ou fístulas gastrointestinais, diabetes mellitus não-controlada, uso excessivo de diuréticos, diabetes insípida, sudorese excessiva com deficiência de ingestão de sais, hipertireoidismo, acidose diabética e puerpério.Causas renais. São encontradas na lesão do glomérulo, túbulos, vasos sangüíneos ou tecido intersticial renal.DETERMINAÇÃO DA CREATININA
Paciente. Evitar prática de exercício excessivo durante 8 h. Evitar a ingestão de carne vermelha em excesso durante 24 h antes da prova.
Amostra. Soro, plasma isento de hemólise, lipemia ou ictérico. Urina de 24 h colhida sem conservantes. Refrigerada as amostras são estáveis
por uma semana. No emprego de métodos enzimáticos não usar plasma obtido com anticoagulantescontendo amônia.

Valores de referência para a creatinina

Homens 0,6 a 1,2 mg/dL
Mulheres 0,6 a 1,1 mg/dL
Urina (homens) 14 a 26 mg/kg/d
Urina (mulheres) 11 a 20 mg/kg/d

ÁCIDO ÚRICO

O ácido úrico é o principal produto do catabolismo das bases purínicas (adenina e guanina) sendo formado, principalmente no fígado, a partir da xantina pela ação da enzima xantina oxidase. Quase todo o ácidoúrico no plasma está na forma de urato monossódico.As bases purínicas, adenina e guanina, os nucleosídios e os nucleotídios estão presentes nos ácidos nucléicos e outros compostos metabolic amente importantes (ex.: AMP, ATP).

METABOLISMO DO URATO

Como resultado da contínua renovação das substâncias contendo purinas, quantidades constantes de ácido úrico são formadas e excretadas. O teor deurato encontrado no plasma (ao redor de 6 mg/dL) representa o equilíbrio entre a produção (700 mg/d) e a excreção pela urina (500 mg/d) e fezes (200 mg/d). Quase todo o ácido úrico excretado pelos glomerúlos é reabsorvido pelos t úbulos proximais; pequenas quantidades são secretadas pelos túbulos distais e excretadas na urina. O teor de ácido úrico na urina é influenciada pelo conteúdo de purina...
tracking img