Crack

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2433 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]


SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
NOME DO CURSO

NOME DO(S) AUTOR(ES) EM ORDEM ALFABÉTICA








































































SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 DESENVOLVIMENTO 4

3 CONCLUSÃO 10

REFERÊNCIAS 11





INTRODUÇÃO

Não é de hoje que sediscute a questão da pobreza em qualquer parte do mundo, isto no que respeita aos países capitalistas, como também aos socialistas, do mesmo modo que na Antigüidade o que preocupava a população era a pobreza de uma faixa da sociedade. Entretanto, fica muito mais fácil abordar este fato pelo lado de uma estrutura de país que se encontra dentro da dicotomia país desenvolvido versus subdesenvolvido.Alguns teoristas mais modernos tentam se enveredar pela ótica das Nações de primeiro mundo, ou de terceiro mundo, também chamados de periféricos, como uma maneira de cognominar aqueles povos que são ricos e aqueles outros que são pobres, ou que tem um nível de dependência exagerada, quanto às necessidades de dinamização da economia e de sobrevivência de seu povo. Os problemas sociais assim como apobreza têm sofrido um aumento significativo decorrente de vários fatores, no entanto, o principal deles é o crescente processo de globalização ao qual o mundo vem atravessando recentemente.
As questões relacionadas às desigualdades sociais e seus problemas derivados desse processo podem ser identificadas em todos os países do mundo, mesmo naqueles que se inserem no grupo de grandesnações, mas nos países que figuram como subdesenvolvidos essas questões são mais acentuadas e de fácil percepção. A grande maioria desses países é subdesenvolvida devido a fatores históricos decorrentes da colonização Européia que ao longo de séculos explorou efetivamente tais países. Atualmente podemos nomear uma série de possíveis causas e conseqüências do subdesenvolvimento de muitos países,porém os principais são: Distribuição de renda, Baixos índices de escolaridade, A fome e a desnutrição e Saúde.


DESENVOLVIMENTO

Almeida, Bernadete de Lourdes Figueiredo. A Produção do Conhecimento sobre a pobreza e temas afins no Brasil: uma analise teórica. http://www.cchla.ufpb.br/sepacops acessado em 28 de julho de 2011. Possui graduação em Serviço Social pelaUniversidade Federal da Paraíba (1971), mestrado em Serviço Social pela Universidade Federal da Paraíba (1984), doutorado em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1990) e pós-doutorado pela PUC/SP (2004). Atualmente é colaborador do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), pesquisador Nível 1-B do CNPq e da Rede Margarida Pro Crianças eAdolescentes de João Pessoa/PB (REMAR), colaborador do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais AnísioTeixeira (INEP), Assessora Científica da Editora da Universidade Estadual de Londrina (UEL), Membro do Conselho Editorial da Revista Tricontinental e da Revista Políticas Públicas da Universidade Federal do Maranhão, colaborador da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior(CAPES), professor colaborador da Universidade Federal do Rio Grande do Norte e professor associado – nível 02 da Universidade Federal da Paraíba. Consultor Ad hoc de diversas Fundações Estaduais de Pesquisa brasileiras. Tem experiência na área de Serviço Social, com ênfase em Fundamentos do Serviço Social, atuando principalmente nos seguintes temas: formação e prática profissional; e na área doServiço Social Aplicado com temas: avaliação das políticas sociais, gestão social, usuários dos programas sociais, questão social e pobreza.
Boa parte da população dos países subdesenvolvidos habitam em residências que se encontram em lugares marginalizados desprovidos de infra-estrutura de serviços básicos pavimentação, esgoto, água tratada entre outros e geralmente as casas ou...
tracking img