Cpfr - collaborative planining forecasting and replenishment

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6565 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
“CPFR – Uma Técnica Colaborativa Aplicada ao Contexto Corporativo Brasileiro” Autoria: Paulo Tarso Vilela de Resende, Guilherme Dayrell Mendonça Resumo A competitividade da cadeia de suprimentos é definida em função da sua capacidade de adaptação e evolução frente às novas demandas de mercado. A ferramenta colaborativa CPFR (Collaborative Planning Forecasting and Replenishment) comprovadamentecontribui para a manutenção de uma estrutura de otimização operacional exigida pelo elevado grau de competição na dimensão corporativa. No presente trabalho, busca-se analisar a utilização dessa técnica no contexto brasileiro, com foco principalmente nos aspectos relativos ao ambiente estratégico de atuação das empresas, ao estágio de implementação da colaboração e à realização de investimentosrelacionados com o CPFR. As conclusões do estudo apontam direções de manutenção das tendências de utilização dessa prática colaborativa no Brasil. Introdução A integração da cadeia de suprimentos é facilitada pelo uso das ferramentas colaborativas de relacionamento, como o CPFR (Collaborative Plannning Forecasting and Replenishment). Os princípios inerentes a essa técnica cria ambientes de parceria ede colaboração nas áreas de estoques, planejamento e controle de processos. A partir daí, geralmente, obtêm-se ganhos significativos na mitigação do efeito chicote (i.e. acúmulo excessivo de estoques no sentido inverso da cadeia logística), na redução de custos operacionais, no aumento do nível de serviço oferecido ao cliente final, entre outras vantagens. A motivação desse estudo originou-sejustamente da necessidade de caracterização e análise do uso dessa prática na realidade corporativa brasileira. Inicialmente, partiu-se de uma caracterização geral do ambiente de negócios e relações empresariais no Brasil para, em seguida, analisar o uso do CPFR. Basicamente, seguiu-se esta linha de construção do cenário geral de pesquisa: • • Caracterização da competitividade de mercado brasileira ecenário geral de comportamento da demanda. Itens de elevada influência como motivadores da instalação do CPFR. Avaliação da adoção da colaboração inter-empresarial com base nesse cenário. Um cenário mais competitivo e de maior instabilidade de demanda favorece a adoção da colaboração como arma competitiva. O ambiente colaborativo é a base para a implementação de ferramentas como o CPFR. Análise daadoção da colaboração por região nacional, comentando-se possíveis limitações de crescimento dessa prática no Brasil. Inicialmente, supôs-se que há diferenças entre as regiões brasileiras com relação ao desenvolvimento e implementação de técnicas colaborativas influenciando diretamente a aplicação dos conceitos CPFR no país. Análise da atual utilização das práticas colaborativas CPFR como formade se lidar com o cenário de competição e instabilidade de demanda. Análise dos investimentos realizados na cadeia de suprimentos, verificando se estão alinhados ao desenvolvimento e manutenção dos programas de CPFR no Brasil.



• •

1

Em outras palavras, o objetivo principal do trabalho é avaliar a realidade brasileira a partir de um contexto macro em direção ao contexto microdiscutindo-se se as empresas estão se modernizando e adotando modelos colaborativos bem estruturados gerencialmente, como o CPFR. Primeiramente, faz-se uma breve revisão bibliográfica do assunto. Revisão Bibliográfica As estratégias de gestão das cadeias de suprimento modernas têm como objetivo principal a obtenção de ganhos competitivos em relação às demais cadeias concorrentes. Em outras palavras, há anecessidade de que toda a rede de fornecimento esteja alinhada no sentido de garantir o máximo de valor ao cliente final ao menor custo de operação. Segundo Harrison et al. (2003), “existem cinco maneiras de competir por meio da logística. São elas: qualidade, velocidade, tempestividade, flexibilidade e objetivos de custo”. Em resumo, a qualidade envolve realizar as atividades bem, a velocidade...
tracking img