Controle do ativo permanente

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4009 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
2 ATIVO PERMANENTE

Agrupa os bens e direitos com característica de permanência na entidade. Normalmente, possui vida útil longa, sua reposição é lenta e possui baixa capacidade de liquidez. Os ativos do permanente normalmente, são utilizados como meio para obtenção dos objetivos operacionais da entidade. Segundo Marion,
“São os bens ou direitos, de propriedade daentidade; possui mensuração econômica objetiva; tem característica de permanência na entidade; quando consumido gera renda ou têm utilização operacional na atividade da entidade...”

2.1 Ativo Permanente Investimento

O artigo 179 da Lei nº 6.404/76, em seu item III, estabelece que serão classificadas:

“Em investimentos: as participações permanentes em outrassociedades e os direitos de qualquer natureza, não classificáveis no ativo circulante, e que não se destinem à manutenção da atividade da companhia ou da empresa.”

2.2 Ativo Permanente Imobilizado

Com a alteração da Lei n° 6.404/76 para a Lei nº 11.638/07, por sua vez o ativo imobilizado foi modificado.
A Lei nº 11.638, de 28 de Dezembro de 2007, sancionou a seguinte alteração noart. 179:

“...IV – no ativo imobilizado: os direitos que tenham por objeto bens corpóreos destinados a manutenção das atividades da campanha ou da empresa os exercidos com essa finalidade, inclusive os decorrentes de operações que transfiram a companhia os benefícios, riscos e controles desses bens;”

O Ativo imobilizado compreende os ativos tangíveis que:
• sãomantidos por uma entidade para uso na produção ou na comercialização de mercadorias ou serviços, para locação, ou para finalidades administrativas;
• têm a expectativa de serem utilizados por mais de doze meses;
• haja a expectativa de auferir benefícios econômicos em decorrência da sua utilização;
• possa o custo do ativo ser mensurado com segurança.

Valor contábil é omontante pelo qual o ativo está registrado na contabilidade, líquido da respectiva depreciação acumulada e das provisões para perdas por redução ao valor recuperável.

2.2.1 Custo Contábil

Custo é o valor de aquisição ou construção do ativo imobilizado ou o valor atribuído ou de mercado, no caso de doações.
O custo de um bem do imobilizado compreende:
a) preço decompra, inclusive impostos de importação e impostos não-recuperáveis sobre a compra, deduzidos de descontos comerciais e abatimentos;
b) custos diretamente atribuíveis para instalar e colocar o ativo em condições operacionais para o uso pretendido;

Nota: são exemplos de custos diretamente atribuíveis:

- custos com empregados, incluindo todas as formas de remuneração eencargos proporcionados por uma entidade a seus empregados ou a seus dependentes originados diretamente da construção ou da aquisição do item do imobilizado;
- custo da preparação do local;
- custo de entrega inicial e manuseio;
- custo de instalação e montagem;
- custo de testes para verificação do funcionamento do bem, deduzido das receitas líquidas obtidasdurante o período de teste, tais como amostras produzidas quando o equipamento era testado;
- honorários profissionais.

c) custo estimado para desmontar e remover o ativo e restaurar o local no qual está localizado, quando existir a obrigação futura para a entidade.
O custo de um bem do imobilizado é o preço pago ou equivalente na data da aquisição.
Os encargosfinanceiros de empréstimos e financiamentos de terceiros para a construção ou montagem de bens do imobilizado devem ser capitalizados até o momento em que o bem estiver em condições de operação.

2.2.2 Baixas ou transferências

O valor contábil de um item do ativo imobilizado deve ser baixado quando: alienado; ou não se prevê obter benefícios econômicos futuros com seu uso ou venda....
tracking img