Confiabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2146 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Origem MCC
Anos 50: disciplinas de engenharia da
confiabilidade

Manutenção Centrada
em Confiabilidade
(MCC)

Objetivo: estimar a confiabilidade de
– componentes,
– sistemas mecânicos e
– sistemas elétricos (principalmente).

Flávio S. Fogliatto
1

Desenvolvimento dos conceitos
associados ao MCC

2

Disseminação da MCC deveu-se
aos altos custos da manutenção

Derivados daanálise das políticas de manutenção
na indústria aérea americana de 1960 até 1970

P/ combater altos custos, atividade de manutenção
passou a ser vista com planejamento e controle,
visando aumentar a vida útil dos itens físicos.

Determinação das melhores políticas p/ gerenciar
as funções dos itens físicos e as conseqüências de
suas falhas

MCC passou a ser empregada:
– para garantirconfiabilidade dos itens físicos;

Nos últimos 20 anos, a MCC disseminou-se no
setor industrial

– como uma metodologia essencial no planejamento
da manutenção preventiva.

3

4

Lógicas de decisão da MCC
propostas na literatura

Objetivos da MCC

Versão original de Nowlan e Heap (1978)

Aumentar a confiabilidade do item físico no qual
é aplicado:

Versão oficial do MSG-3usada pelas companhias
aéreas civis

– Tal confiabilidade é função da qualidade do programa
ou plano de manutenção

Versão militar US MIL-STD-2173 usada pelo
Comando dos Sistemas Navais dos EUA

MCC = metodologia sistemática utilizada p/
otimizar as estratégias de manutenção planejada:

Versão RCM 2, c/ abordagem diferente da de
Nowlan e Heap (1978) c/ relação a segurança
ambiental.– Visa minimizar custos de manutenção corretiva,
preventiva e por melhoria

5

MCC representa uma evolução da
Manutenção Tradicional

6

Para culminar em tal objetivo, a
MCC

Principal objetivo do MCC: reduzir os custos da
manutenção.

Identifica os modos de falha que afetam as funções

Foca nas funções mais importantes do sistema

Determina a importância de cada falha funcionala partir de seus modos de falha

evita ou remove tarefas que

Seleciona as tarefas aplicáveis e efetivas
na prevenção das falhas funcionais

não são estritamente necessárias
7

8

Resultados esperados com a
implementação da MCC

Foco da MCC
Preservar a função do sistema, ao invés de
restabelecer o item físico para uma condição
ideal:

Maior segurança humana e proteçãoambiental;

– Preservar a função não é o mesmo que preservar a
operação de um item

Melhoria do desempenho operacional em termos
de quantidade, qualidade do produto e serviço ao
cliente;

Além do enfoque tradicional, a MCC pode
estender a sua análise p/ cobrir tópicos e
problemas de suporte logístico e até mesmo na
gestão de peças sobressalentes.

Maior efetividade do custo da manutenção;9

Mais resultados esperados com a
implementação da MCC

10

Definições
O processo da MCC e a utilização das ferramentas
de apoio exigem o entendimento de definições
associadas a falhas e desempenhos dos itens físicos:

Aumento da vida útil dos itens físicos mais
dispendiosos;
Criação de um banco de dados completo sobre a
manutenção;

– Funções
– Padrões de Desempenho

Maiormotivação do pessoal envolvido com a
manutenção; e

– Contexto Operacional
– Falhas Funcionais e Potenciais

Melhoria do trabalho em equipe.

Definidos
na sequência

– Modos de Falha
11

12

Funções

Funções de um item físico

Função = qualquer propósito pretendido para
um processo ou produto;

FUNÇÕES

Principais

Aquilo que o usuário quer que o item físico ou
sistemafaça;

Sua definição deve consistir de um verbo, um
objeto e o padrão de desempenho desejado.

Secundárias

Inicia-se sempre o processo de MCC
pelas funções principais
13

Funções Principais

14

Funções Secundárias

Estão associadas principalmente à razão pela qual
o ativo foi adquirido:

São as outras funções que um item exerce:
– integridade ambiental;

– Os itens...
tracking img