Concretagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4980 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Concretagem


Elementos de Concreto Armado


|1 – Introdução |
|2 – Procedimentos preliminares a execução das concretagens |
|3 – Preparação do concreto |
|4 – Recebimento do concreto usinado |
|5 – Transportedo concreto |
|6 – Lançamento do concreto |
|7 – Adensamento do concreto |
|8 – Cura do concreto |
|9 – Prazos para desfôrma ||10 – Correção de falhas no concreto |
|Glossário |
|Normas Técnicas |
|Bibliografia |


1 – Introdução

A concretagem é a fase final de um processo deelaboração de elementos de infraestrutura e superestrutura, e em geral a mais importante. A concretagem somente pode ser liberada para execução depois de verificado se as fôrmas estão consolidadas e limpas, se as armaduras estão corretamente dispostas e se as instalações embutidas estão devidamente posicionadas.

Nessa etapa, de lançamento, adensamento e cura do concreto é extremamenteimportante a presença do engenheiro na obra. No mínimo, é necessária a presença de um técnico, ou ainda, de um mestre-de-obra de inteira confiança e com larga experiência em execução de concretagem. Os erros cometidos nessa etapa geralmente acarretam grandes prejuízos futuros. A necessidade de correção das patologias ocorridas nas estruturas provocadas por falta de cuidados na fase de concretagem implicaráem perda da reputação e de dinheiro para o profissional e construtora responsáveis.


2 – Procedimentos preliminares a execução das concretagens


2.1 – Liberação da concretagem

Para a liberação de uma concretagem é necessário estar atento para os pontos a seguir:

a) Verificar se as estruturas concretadas anteriormente já se encontram consolidadas e escoradas o suficiente paraesse novo carregamento;

b) dependendo do tipo de concreto (usinado ou feito no canteiro), verificar as condições de acesso dos equipamentos (caminhão-betoneira, carrinhos e jericas, bombas etc.)

c) garantir a existência de fontes de água e de tomadas de energia para ligação dos adensadores, réguas e iluminação, se for o caso;

d) estudar e promover condições para amovimentação ininterrupta das jericas, com caminhos diferentes para ir e vir, se possível;

e) garantir que os materiais para a elaboração de controle tecnológico (moldes) estejam em perfeitas condições (limpos e preparados);

f) verificar se os eixos das fôrmas foram conferidos, se estão travadas e escoradas e se os pés dos pilares foram fechados após a limpeza;

g) conferir as armaduras,principalmente as negativas e se foram colocados os espaçadores em quantidade suficiente;

h) requisitar a presença de equipes de carpinteiros, armadores e eletricistas para estarem de prontidão durante a concretagem para eventuais serviços de reparos e reforços nas fôrmas, armaduras e instalações;

i) prever a possibilidade de interrupção da concretagem e a necessidade da criaçãode juntas frias;

j) conferir o nível das mestras e dos gabaritos de rebaixo, das prumadas e aberturas, cuidando para que não haja deslocamento dos ferros negativos pela passagem dos carrinhos e pessoas;

k) estabelecer um plano prévio de concretagem, os intervalos entre os caminhões e/ou betonadas e reprogramar em função do ritmo;

l) acercar-se das condições de segurança...
tracking img