Competencias gerenciais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1841 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO
Introdução..................................................................................................................3

Desenvolvimento...................................................................................................... 4

Conclusão.................................................................................................................10Referencias.............................................................................................................. 11

Introdução

Esse trabalho aborda alguns temas muito importantes para uma administração bem sucedida. Mediante um sistema competitivo, é essencial um conhecimento técnico e eficiente e um trabalho árduo de seus gestores.Neste caso faltaram competências na área de gerencia operacional, competências organizacionais e o modelo de gestão.
Na área gerencial, é necessário um aprendizado contínuo, tanto no que é gerenciado, como no que gerencia. Nessa área temos que ter um tipo de gerente desinibido, onde coloca o gerencia como sendo cada vez mais inovador observador do ambiente de trabalho.Às vezes, as pessoas ficam intranqüilas e irrequietas só porque estão ficando cansadas com seu ambiente e seus companheiros de trabalho. Não se pode obter a concentração de uma pessoa que trabalha por sete ou oito horas sem interrupção. Neste momento, entra a gerência que com bom senso e muita habilidade, tem a função de fazer um ambiente melhor de trabalho para que os funcionários fiquem cada vezmais motivados e contentes. A maioria das pessoas trabalha com mais afinco quando o trabalho novamente se torna agradável, como o é para o artesão e o artista individual.
É fato que um novo ambiente de trabalho não poucas vezes pode interromper em declínio de produtividade.
Compreender as motivações profundas das pessoas é não só uma interessante investigação acadêmica, mas algo de tremendaaplicações práticas. Pode significar a diferença entre fracasso e sucesso em nossos esforços de propaganda e venda e o agradável funcionamento da rotina do escritório. Com sucesso esperado temos que refletir de como as mudanças podem nos ajudar e não interferir negativamente no trabalho. A mudança no ambiente é frequentemente um importante fator a induzir outras mudanças nas atitudes e técnicas degerência.
“O papel do gerente é promover poder legítimo, ou seja, autoridade para dirigir
as atividades relacionadas ao trabalho de, no mínimo um subordinado.
O gerente é caracterizado como um centro nervoso da organização,
transmitindo informações de dentro para fora da organização e vice e versa
além de executar papéis decisórios que envolvem a resolução de problemas
e a tomada dedecisões”.
Bowditch e Buono (1992).

De acordo com Fleury (1995) apud Dutra (2004) competências organizacionais são processos, funções, tecnologia e pessoas, e estão relacionadas as competências que a empresa possui, de forma que essas competências sejam reconhecidas por seus clientes, fornecedores, acionistas, sociedade concorrentes e empregados.
Sempre a uma relação íntima entre competênciasindividuais e organizacionais, pois, quando a pessoa agrega seus valores à organização, contribui para o seu patrimônio de conhecimento permitindo assim aumentar sua competitividade. Em geral, as competências impulsionam as organizações e seu uso constante as fortalece, à medida que se aprendem novas formas para seu emprego ou utilização mais adequada.
Dentro de competências organizacionais Dutra (2004),explica que se devem destacar categorias distintivas das competências, tais como:

Competências essenciais: É de extrema importância para a organização.

Competências distintivas: São diferenciadas em relação aos competidores. A organização ganha vantagens na competitividade.

Competências de suporte: São as atividades que servem de alicerce para outras atividades da organização....
tracking img