Clima e cobertura vegetal

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2018 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Trabalho
de
Literatura



O Rei Artur e os Cavaleiros da Távola Redonda












Nome: Ingrid Gatti Marques nº19 1º E
Professor: Willians


Identificação
Autor: Thomas Malory
Obra: Thomas Malory
Edição: Editora Scipione
Local e data de publicação: Inglaterra, 1485.

Biografia de Thomas Malory
Se Thomas Malory tivesse vivido no tempo dos Cavaleiros da TávolaRedonda, teria sido justiçado por um deles. Mas Malory viveu no século XV, quando as instituições já eram sólidas o bastante para que não fosse preciso fazer justiça com as próprias mãos.
Embora não existam documentos que o comprovem, é quase certo que Malory passou longos períodos na cadeia, cumprindo pena por estupro, assalto a conventos e roubo de cavalos. No entanto, ele pertencia a umafamília aristocrática inglesa e chegou a ser membro do Parlamento. No fim da vida lutou na Guerra das Duas Rosas – a guerra civil inglesa –, até cair prisioneiro. Nessa ocasião, seu companheiro de cela foi um nobre que possuíra uma vasta biblioteca de obras sobre o Rei Artur. Talvez por influência do companheiro, ou orientado por ele, Malory escreveu sua própria versão a respeito do mais famosoherói da Inglaterra – A morte de Artur.
Malory morreu em 1471, sem ter sido libertado. Seu texto publicado quatorze anos depois, foi um dos primeiros livros impressos na Inglaterra e é considerado a mais importante narrativa do ciclo arturiano (nome que se dá ao conjunto da literatura relativa ao rei Artur).
Quem foram os autores das outras versões, a partir das que Malory criou A morte deArtur ?
Desde o século V os mosteiros tinham, além dos atributos religiosos, as funções de guardiões do saber. Não existiam escolas ou bibliotecas públicas como hoje conhecemos; nos claustros se transmitia a cultura e os livros eram guardados e copiados. Junto aos textos religiosos se conservavam os romances épicos gregos, que os monges traduziam para o latim. Os clássicos gregos, com seusenredos cheios de aventuras, eram muito apreciados como literatura profana. Por volta do ano 1100, a partir dos relatos heróicos da primeira cruzada, os temas das antigas epopéias clássicas passaram a ser adaptados para dar lugar aos feitos maravilhosos dos cavaleiros cristãos que libertariam Jerusalém dos infiéis.
Movido por este espírito, no começo do século XII, um bispo inglês de origemnormanda, chamado Geoffrey de Monmouth, recolheu história s da tradição oral dos bretões e compôs, em latim, a História dos Reis da Bretanha. São 99 os reis descritos e Artur teria sido 91°e o mais destacados de todos.
Em 1154 Wace de Jersey, um poeta normando, fez a versão para o francês da História de Geoffrey, intitulando – a Gesta dos Bretões. Wace acrescentou alguns elementos à biografia dofamoso rei, como a Távola Redonda - a mesa em trono da qual se reúnem os Cavaleiros –, e o dia milagroso e que Artur voltará de Avalon para governar novamente Bretanha.
Cinqüenta anos depois, baseando nas obras de Wace, o Padre Layamon, de Worcester, escreveu uma história da Inglaterra, também em versos. Surgem pela primeira vez, na sua versão, as rainhas que levarão o rei mortalmente feridopara a Ilha de Avalon, e ainda outros detalhes das tradições bretã e normanda.
Nessa mesma época um outro poeta, Chrétien de Troyes, fazia sucesso no corte francesa.
Chrétien escreveu cinco romances sobre os personagens da Távola redonda e introduziu, na sua concepção, a cidade e o castelo de Camelot. Morreu antes de concluir seu último trabalho: O conto do Graal. O Graal teria sido ocálice usado por Jesus na ultima ceia e conteria ainda gotas do sangue que Cristo verteu na cruz.
Robert de Boron, no final do século XII, desenvolveu o tema do Cálice Sagrado a partir do romance inacabado de Chrétien, ligando-o à tradição arturiana.
Desde então, e por mais quatrocentos anos, foram feitas inúmeras traduções para outras línguas alem do latim, francês e inglês, e cada país...
tracking img